Últimas Notícias

Montes Claros – Gestão superior da Unimontes se reúne para o planejamento das atividades letivas do 1º semestre

Montes Claros – Gestão superior da Unimontes se reúne para o planejamento das atividades letivas do 1º semestre

Montes Claros – A Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) planeja suas ações para o primeiro semestre letivo de 2021, cujo início está marcado para 22 de fevereiro, com abrangência em todos os cursos de graduação e tecnólogos oferecidos no campus-sede e nos demais campi. O assunto foi discutido em reunião entre a reitora em exercício da Unimontes, professora Ilva Ruas Abreu, diretores, pró-reitores e pró-reitores adjuntos, nessa terça-feira (2/2).

Montes Claros - Gestão superior da Unimontes se reúne para o planejamento das atividades letivas do 1º semestre
Montes Claros – Gestão superior da Unimontes se reúne para o planejamento das atividades letivas do 1º semestre Ascom Unimontes

 

Na abertura do encontro, a professora Ilva Ruas destacou os esforços desenvolvidos pela gestão superior para garantir a continuidade das atividades de ensino, pesquisa e extensão, além da prestação de serviços à comunidade, durante o cenário de pandemia do Novo Coronavírus (Covid-19).

“A nossa proposta é fazer um bom planejamento para que, apesar das restrições durante a pandemia, possamos trabalhar da melhor forma possível e atender às demandas dos cursos, bem como assegurar a continuidade das ações de pesquisa, de extensão e prestação de serviços”, enfatizou a reitora em exercício.

Ela lembrou que o objetivo é cumprir integralmente o calendário acadêmico estabelecido para 2021 dos cursos de graduação, tecnólogos e de pós-graduação, estabelecido por meio de resolução do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepex), de outubro de 2020.

PARTICIPANTES

A reunião contou com a participação dos pró-reitores de Planejamento, Gestão e Finanças (professor Aloysio Vieira), de Pesquisa (professora Clarice Diniz Alvarenga Corsato); e de Pós-Graduação (professora André Luiz Sena Guimarães); e dos pró-reitores-adjuntos de Ensino (professora Andrea Jakubaszko), de Pesquisa (professor Rafael Duarte de Moura) e de Extensão (professora Daiane Soares Rodrigues). Contou também com a presença do diretor de Desenvolvimento de Recursos Humanos, Irineu Ribeiro Lopes.

Conforme o calendário, a reitora em exercício destacou que a Unimontes iniciará o semestre letivo no dia 22 de fevereiro – a princípio, de forma remota, cumprindo as normas, medidas de flexibilização e os protocolos de segurança previstos em decretos municipais e estaduais no âmbito da pandemia do Novo Coronavírus. “A Universidade retomará suas atividades letivas e, para isto, teve um protocolo com as medidas de segurança aprovado pelo CEPEx. Mas, devemos lembrar que estamos sob os mantos do Governo do Estado e dos municípios onde há campi”, observou Ilva Ruas.

POSSIBILIDADE DE RETORNO PRESENCIAL – Por outro lado, o encontro pode analisar questões sobre o possível retorno às atividades presenciais, seguindo as determinações do Governo do Estado e dos municípios, cujo tema será discutido com a comunidade acadêmica, em consonância com as deliberações dos conselhos superiores e demais órgãos colegiados da Unimontes.

Durante a reunião, os participantes apresentaram e discutiram demandas voltadas para a melhoria de funcionamento dos cursos, bem como das atividades de pesquisa, extensão e de pós-graduação.

METAS

O pró-reitor de Planejamento, Gestão e Finanças destacou o esforço desempenhado pela Unimontes para o alcance de metas estabelecidas junto ao Governo do Estado, entre as quais o atendimento de acadêmicos no Programa Estadual de Assistência Estudantil, a oferta de cursos profissionalizantes e a assistência a saúde por meio do Hospital Universitário Clemente de Faria.

Por sua vez, a pró-reitora adjunta de Extensão, Daiane Soares Rodrigues, enfatizou que, apesar das medidas do distanciamento social na pandemia, a Universidade manteve suas ações extensionistas, com a continuidade aos diversos projetos que garantem a interação entre a instituição superior e a comunidade ao seu redor. “Apesar da pandemia, a extensão na Unimontes não parou em nenhum momento”, afirmou.

Na mesma linha, a professora Clarice Corsato ressaltou que, em 2020, a Universidade Estadual de Montes Claros deu prosseguimento às atividades da pesquisa, inclusive com ampliações. Durante o ano, foram institucionalizados 63 projetos de pesquisa e prorrogados outros 68 projetos de investigação científica e tecnológica. Atualmente, a instituição conta com 202 projetos de pesquisa em andamento.