Últimas Notícias

Indústria de tecnologia no Brasil cresceu 22,9%

Ribeirão Preto, SP 22/2/2022 – Este setor é muito dinâmico e precisamos estar sempre em consonância com a evolução contínua das tecnologias.

A partir de investimentos que somaram cerca de R$ 200,3 bilhões, a indústria de tecnologia no Brasil demonstrou crescimento especialmente nos mercados de software, serviços, hardware e com exportações do segmento. O país mantém a liderança no mercado latino-americano.

O estudo realizado pela Associação Brasileira das Empresas de Software sobre o panorama e tendências de 2021 do mercado brasileiro de software, afirmou que a indústria de tecnologia no Brasil cresceu 22,9%, com investimento de cerca de R$ 200,3 bilhões (US$ 50,7 bilhões), ao considerar os mercados de software, serviços, hardware e também as exportações do segmento. A pesquisa, que conta com dados da International Data Corporation (IDC), ainda revela que o Brasil conquistou posições no ranking mundial de TI, da 10ª posição em 2019 para 9ª em 2020, mantendo ainda a liderança no mercado latino-americano, com 44% de participação.

A Organização CIMdata, em seu relatório 2021 de análise de mercado de usinagem assistida por computador (CAM), informou que o mercado de CAM mundial cresceu 6,8%. O resultado é verificado já que a tecnologia atende as necessidades de diversos setores como: automotivo, bens de consumo, elétrico, aeroespacial, energia, defesa, médico, dentre outros.

Sobre o cenário, Camila Sarantopoulos, CEO da SolidCAM Brasil, comenta que mesmo diante de uma economia retraída por fatores como, por exemplo, a pandemia, relatórios e estudos evidenciam o potencial do Brasil na disponibilidade de tecnologias que efetivamente trazem benefícios aos resultados de unidades industriais e empresariais que buscam economia, eficiência e aumento de produtividade. “Este setor é muito dinâmico e precisamos estar sempre em consonância com a evolução contínua das tecnologias”, destaca.

Prova disso é que o Brasil mantém a liderança no mercado latino-americano, com empresas de software expandindo seus mercados, como é o caso da a SolidCAM Brasil, que se tornou LATAM, iniciando a revenda da tecnologia na Argentina no final do ano passado. 

No Brasil, clientes de tecnologia voltada para programas de usinagem estão dando prioridade para softwares que permitem aos programadores utilizarem a interface do CAD no mesmo ambiente de programação das operações de usinagem. Dado isso, Eduardo Duarte Lemos da SolidCAM Brasil afirma que a tecnologia pode reduzir os retrabalhos de programação e ao parametrizar os giros de mesas ganhar agilidade nos setups. “Estes são alguns dos benefícios do software que nos fez chegar a números de redução de máquina parada de até 40%”, conclui.

Mais informações sobre o assunto disponíveis em: http://solidcam.com.br/

Website: http://solidcam.com.br/