Matrículas Aberta - Escola Adventista

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Inicio » Esporte » Brasileirão » Futebol – Projeto quer liberar apostas online no Brasil, afirma jornal

Futebol – Projeto quer liberar apostas online no Brasil, afirma jornal

Dirigentes e deputados federais da chamada “bancada da bola” querem a proposta de um projeto de lei para liberar as apostas esportivas online no Brasil. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo desta segunda-feira, a iniciativa tem como objetivo criar um fundo para beneficiar projetos de iniciação esportiva. As apostas seriam feitas em sites e lotéricas, envolvendo jogos do Campeonato Brasileiro, da Copa do Brasil e dos Estaduais.

Segundo consultoria, brasileiros gastaram R$ 1,8 bilhão em apostas no exterior
Segundo consultoria, brasileiros gastaram R$ 1,8 bilhão em apostas no exterior

Segundo o presidente do Botafogo, Maurício Assumpção, é necessário garantir que as apostas beneficiem os clubes, em parcerias com prefeituras e governos estaduais. Segundo o projeto de lei do deputado Otávio Leite (PSDB-RJ), 16% do valor arrecadado nas apostas iriam para um fundo escolar, no qual fomentaria de forma indireta clubes e governos.

No entanto, o advogado Pedro Trengrouse alerta para dois desafios na questão: a manipulação de resultados e a tributação dos valores apostados por brasileiros. Trengrouse lembrou o escândalo envolvendo o ex-árbitro Edílson Pereira de Carvalho em 2005, concluindo que “nada foi feito” para coibir o acerto prévio de placares em partidas.

Ainda de acordo com a Folha de S. Paulo, com base em dados divulgados pela empresa de consultoria CBGC, os brasileiros gastaram R$ 1,8 bilhão em apostas no exterior em 2013. Neste ano, a projeção é de crescimento para R$ 2,2 bilhões.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)