PUBLICIDADE

PALIMONTES

Inicio » Mais Seções » Motor – Audi testa carros que dirigem sozinhos

Motor – Audi testa carros que dirigem sozinhos


Reviewed by:
Rating:
5
On 31 de julho de 2014
Last modified:31 de julho de 2014

Summary:

Motor - Audi testa carros que dirigem sozinhos

A Audi está testando carros que dirigem sozinhos em Tampa, na Flórida (EUA). As ruas da cidade foram usadas para testar uma versão inicial da “Traffic Jam Pilot”, função que permite ao veículo se controlar sozinho. Segundo reportou o TechCrunch, o carro consegue tomar conta da direção, freios e velocidade quando anda em até 40 milhas por hora (cerca de 64,3 km/h).

Motor - Audi testa carros que dirigem sozinhos
Motor – Audi testa carros que dirigem sozinhos

O recurso foi apresentado primeiramente no evento Consumer Electronics Show, que aconteceu no início do ano nos Estados Unidos. Os testes foram feitos nesta semana em rodovias que possuem faixas reversíveis, que podem ser abertas nos horários de pico e fechadas para os testes.

Carros que dirigem sozinhos são mais vistos na região do Vale do Silício, onde o Google vem testando a tecnologia por vários anos. Flórida, Nevada, Califórnia e Michigan são os únicos estados americanos com leis que permitem os testes dos veículos autônomos.

A Audi espera que a tecnologia esteja pronta para ser comercializada em cinco anos. O objetivo é que a função salve vidas, evitando acidentes quando os motoristas estão distraídos, especialmente quando usam o celular enquanto dirigem.


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaços abaixo são destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail valido).