Publicidade FENICS 2108 - RESERVE JÁ,JÁ, SEU STAND!  

PUBLICIDADE

COPASA - MONTES CLAROS
Inicio » Mais Seções » Ciência » Emissão global de gás carbônico atinge recorde em 2013

Emissão global de gás carbônico atinge recorde em 2013

O ano de 2013 registrou mais um recorde global na emissão de gás carbônico. Segundo números apresentados por cientistas neste domingo (21), as emissões subiram para 39,8 bilhões de toneladas de dióxido de carbono pela queima de carvão, petróleo e gás. Esse número é 2,3% maior que o do ano anterior, e o crescimento foi influenciado principalmente pelos três principais poluidores do mundo: China, EUA e Índia.

Número é 2,3% maior que o do ano anterior, e o crescimento foi influenciado principalmente pelos três principais poluidores do mundo: China, EUA e Índia
Número é 2,3% maior que o do ano anterior, e o crescimento foi influenciado principalmente pelos três principais poluidores do mundo: China, EUA e Índia

Glen Peters, cientista norueguês da equipe internacional do Projeto Carbono Global, que acompanha e calcula as emissões globais todo ano, alertou que o mundo “está na direção errada”. Os resultados foram publicados em três artigos nos jornais Nature Geoscience e Nature Climate Change.

Para esse ano, a equipe de cientistas projetou um aumento nas emissões de dióxido de carbono em 2,5%. A estimativa é que essa tendência continuará nos próximos anos, e que em 30 anos essas emissões serão responsáveis por aumentar a temperatura média do mundo em cerca de 1,1 grau. Em 2009, líderes mundiais alertaram que esse nível é perigoso e prometeram não chegar a esse ponto. “O tempo está ficando curto. Quanto mais nós não fazemos nada, mais provavelmente nós iremos atingir essa barreira em 2040 e alguma coisa”, alertou Pierre Friedlingstein, um dos principais autores dos estudos.

Na terça-feira, mais de 100 líderes mundiais se reunirão na Cúpula do Clima da Organização das Nações Unidas (ONU) para discutir como reverter essa tendência de aumento nas emissões. Em números absolutos, o crescimento foi de 778 mil toneladas de emissão de dióxido de carbono em 2013. Mais da metade disso, ou 415 mil toneladas, veio da China, onde o crescimento de 2012 para 2013 foi de 4,2%. Os chineses alcançaram uma emissão total de 10,998 milhões.

Nos EUA, onde as emissões de carbono haviam recuado em quatro dos últimos cinco anos, desta vez foi registrado um aumento de 2 9% nas emissões, para 5,769 milhões de toneladas. Na Índia, o crescimento foi maior, de 5,1%, para 2,653 milhões de toneladas.

Um número próximo a 20 países cortaram suas emissões de gás carbônico no ano passado, dos cerca de 200 que fazem parte do levantamento. As principais reduções foram registradas na Europa sendo que a maior queda foi na Espanha. 

Leia Também

Atacante voltou a ficar devendo melhor atuação contra a Costa Rica, não rendeu o esperado e mostrou nervosismo com rivais e arbitragem

No sufoco, Neymar supera irritação, marca nos acréscimos, chora e leva o Brasil a vitória

* Por: Jornal Montes Claros - 22 de junho de 2018. No sufoco, Neymar supera …

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas. O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).