Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

ONU alerta para risco de abusos de menores refugiados

 

Al Hussein afirmou que um número surpreendente de crianças migrantes está detido nas fronteiras e exposto a sofrer abusos físicos por parte dos agentes do Estado.

ONU alerta para risco de abusos de menores refugiados
ONU alerta para risco de abusos de menores refugiados

A ONU voltou nesta sexta-feira (8) a pedir aos países que não retenham refugiados e migrantes menores de idade em centros de detenção e que procurem alternativas para seu acolhimento.

“Um número surpreendente de crianças migrantes está detido nas fronteiras e exposto a sofrer abusos físicos por parte dos agentes do Estado”, afirmou nesta sexta (8) em Genebra o alto-comissário para os Direitos Humanos da ONU, Zeid Ra’ad Al Hussein.

“É absolutamente vital que os Estados protejam os direitos de todos os migrantes e, especialmente, das crianças migrantes”, disse ele Zeid, ao lembrar que muitas dessas crianças “sofreram um severo trauma e maus tratos que, em alguns casos, podem ser definidos como tortura, antes de abandonarem suas casas”.

O alto-comissário disse ainda que as crianças que migram em grandes grupos “correm um risco maior de serem vítimas de violência durante a viagem, incluindo abusos sexuais nas mãos de traficantes e grupos criminosos”.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *