PUBLICIDADE

PALIMONTES

Inicio » Norte de Minas » Norte de Minas – PRF intensifica fiscalização no feriado prolongado

Norte de Minas – PRF intensifica fiscalização no feriado prolongado


Reviewed by:
Rating:
5
On 15 de junho de 2017
Last modified:15 de junho de 2017

Summary:

Norte de Minas - PRF intensifica fiscalização no feriado prolongado

Norte de Minas – PRF intensifica fiscalização no feriado prolongado

Norte de Minas - PRF intensifica fiscalização no feriado prolongado
Norte de Minas – PRF intensifica fiscalização no feriado prolongado

 

Nesta quinta-feira (15/06/2017), a igreja católica celebra, em todo o mundo, o dia de Corpus Christi. A data é feriado e para muitos serão quatro dias de folga. 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) está preparada para a intensificação do movimento. Como em todos os feriados, uma operação está montada e pronta para entrar em ação até o próximo domingo.

De acordo com a PRF, a fiscalização será maior em alguns pontos considerados críticos, com maior incidência de acidentes e de crimes, estes locais não serão revelados para um maior sucesso da operação.

Somente na área de fiscalização da PRF de Montes Claros (Norte de Minas Gerais), são praticamente 600km.

Os policiais irão fiscalizar, principalmente o excesso de velocidade, ultrapassagem indevida, o uso de bebidas alcoólicas ao volante, condição de veículos e o número de passageiros, já que segundo a polícia estes são os principais motivos de acidentes de trânsito.

 

Dicas da PRF para ter uma viagem mais segura:

O que revisar no carro antes de viajar?

Uma das regras para toda pessoa que vai viajar de carro e não quer ter problemas é uma boa revisão. É fundamental que antes de pegar a estrada o motorista tire um tempinho para checar todos os itens do veículo, lembrando claro que alguns deles, como o freio e suspensão, devem passar por vistorias mecânicas periódicas.

Alguns pontos o próprio motorista pode observar, entre eles estão:

Óleo e filtro  – Verifique o nível de óleo e o prazo de validade. Em caso de vencido, troque por um lubrificante com as mesmas especificações recomendadas pela montadora. Troque também o filtro de óleo. Óleo abaixo do nível ou vencido pode danificar o motor e aumentar o consumo de combustível.

Filtros do ar e combustível  – Eles são essenciais para o bom funcionamento do motor. Influenciam diretamente no consumo de combustível se estiverem velhos. Em casos de muita sujeira, podem entupir. Ambos têm prazo de validade estipulado pelas montadoras.

Freios  – O sistema de freios deve ser revisado a cada 10 mil quilômetros em uma mecânica ou concessionária. Se isso estiver em dia, em um posto de combustível é possível checar o fluido do freio. Se estiver baixo, precisa ser completado e o motorista deve procurar um mecânico porque possivelmente há vazamento. O fluido também tem prazo de validade para ser trocado completamente.

Arrefecimento – O primeiro ponto de atenção aqui é manter sempre o tipo recomendado pelo fabricante, que pode ser normal ou de longa duração (fluido orgânico). Além disso, a água do radiador deve estar no nível e também é preciso ver se o fluido do sistema de arrefecimento está em dia. Esse fluido ajuda a manter a temperatura do motor para evitar aquecimento.

Pneus – Calibre os pneus, inclusive do estepe. As recomendações da fábrica para o modelo do carro devem ser seguidas. Veja que há diferença de pressão para veículos carregados e vazios, dianteiros e traseiros. Os pneus, claro, não podem estar gastos.

Suspensão –  A suspensão dos carros deve ser revisada a cada 10 mil quilômetros, incluindo fazer geometria e balanceamento. Se as revisões do carro não estão em dia, o motorista de passar em um mecânico antes de viajar. É importante verificar o desgaste de amortecedores, molas, buchas e batentes. Puxadas na direção do carro em retas ou ruídos podem ser indícios de algo errado na suspensão.

Bateria – Muita gente não presta atenção na bateria do carro e só importa quando o veículo não pega mais, mas é importante que ela também seja revisada antes das viagens.

Palhetas – Muitas vezes o motorista só se dá conta que os limpadores de para-brisa estão ruins quando passa por algum trecho com chuva e não enxerga nada. É importante checar a situação das palhetas, que não devem estar tortas nem com a borracha ressecada. Além de verificar também a água do limpador dos vidros.

Painel – Ás luzes do painel e o que elas representam devem ter uma total atenção do motorista. Algumas,  como a de freio e a de bateria, podem indicar problemas.

Lâmpadas – É impossível viajar com alguma lâmpada do carro queimada.  Além do perigo isso ainda gera multa. É preciso checar todas, entre elas as luzes de freio, ré, faróis e lanternas.

Itens de emergência – Antes de sair o motorista deve checar também se todos os itens de emergência estão no lugar, como triângulo, chave de roda, macaco, estepe e extintor, que devem estar dentro do prazo de validade.

Após conferir tudo o condutor também seguir alguns cuidados na estrada. A primeira dica da Polícia Rodoviária Federal é que a viagem seja totalmente planejada, incluindo as paradas em locais adequados para abastecimento, alimentação ou quem sabe, descanso.

É importante também que o motorista tenha total atenção, respeitando a sinalização e os limites de velocidade, manter os faróis sempre ligados para que o seu veículo fique visível ao outro condutor, não ligar o pisca-alerta com o veículo em movimento, já que isso pode confundir outros motoristas e causas acidentes.

Na pista o condutor deve ficar atento não só ao seu veículo, mas também o do outro e por isso deve manter uma distancia do veículo que está à frente, prestando sempre atenção na velocidade.

Para quem vai ficar na cidade, os serviços que irão funcionar no Município ainda não foram divulgados pela Prefeitura de Montes Claros.


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaços abaixo são destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail valido).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *