Últimas Notícias

Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Inutilidades Públicas

Sexo com o consentimento Divino

Deu o que falar na mídia nacional esta semana, o depoimento do  Pastor Alamir Nobre da Cruz  da Igreja “Deus Reinando sobre a Cidade” acusado de violentar a menor  (S.P. M. O) de 16 anos. Ele disse em depoimento que não consegue se lembrar de nada durante o ato carnal,  apenas que durante a oração em que  se encontrava sozinho com a vitima sentiu a vibração do fogo santo, com a voz do senhor lhe dizendo que haveria de nascer uma nova vida. O mais incrível é que o pai da moça  foi enfático na sua declaração “O pastor não cometeu crime, foi apenas um instrumento da vontade do Nosso Senhor!” com isto o Ministério estuda denunciá-lo como co-autor do crime já que tudo indica que sabia do que vinha  acontecendo.

A maldição da pobre figueira

Em Mateus 21:19 e Marcos 11:13-14, encontramos uma história estranha por dois motivos: vemos Jesus tendo um acesso de raiva (algo que não era comum no comportamento do Filho de Deus) e também um castigo no mínimo estranho. Na passagem, Jesus está caminhando e sente um pouco de fome. Ele então encontra uma figueira estéril procura frutos na árvore. Sem encontrar nada, ele então amaldiçoa o arbusto para que, até a sua morte, ninguém mais coma seus frutos. ”Porra, vai se foder caralho, vou ter que transformar pedra em peixe de novo!”

Suposto relacionamento homossexual entre Davi e Jônatas

No livro de 1 Samuel, é descrita a relação entre Davi (aquele que matou Golias) e Jônatas. Muitos dizem que se tratava apenas de amizade fraternal, mas alguns chegam a afirmar que os dois tiveram um relacionamento amoroso. Aparentemente, foi amor à primeira vista: “E sucedeu que, acabando ele de falar com Saul, a alma de Jônatas se ligou com a alma de Davi; e Jônatas o amou, como à sua própria alma” – 1 Samuel 18:1. E ainda mais intensa foi a despedida: “E, indo-se o moço [Jônatas], levantou-se Davi do lado do sul, e lançou-se sobre o seu rosto em terra, e inclinou-se três vezes; e beijaram-se um ao outro, e choraram juntos, mas Davi chorou muito mais.”- 1 Samuel 20:41. E ainda nas palavras do próprio Davi: “Angustiado estou por ti, meu irmão Jônatas; quão amabilíssimo me eras! Mais maravilhoso me era o teu amor do que o amor das mulheres.” – 2 Samuel 1:26

Riso da Hora

 

Fica assim, amanhã tem mais…

 

Hesiodo José
Hesiodo José