Publicidade FENICS 2108 - RESERVE JÁ SEU STAND!  
Ex-presidente francês Nicolas Sarkozy é detido por financiamento ilegal de campanha | Jornal Montes Claros
Inicio » Internacional » Europa » Ex-presidente francês Nicolas Sarkozy é detido por financiamento ilegal de campanha

Ex-presidente francês Nicolas Sarkozy é detido por financiamento ilegal de campanha

Ex-presidente francês Nicolas Sarkozy é detido por financiamento ilegal de campanha

Nicolas Sarkozy, ex-presidente da França, foi detido nesta terça-feira (20) sob suspeita de financiamento ilegal de sua campanha eleitoral de 2007.

Ex-presidente francês Nicolas Sarkozy é detido por financiamento ilegal de campanha
Ex-presidente francês Nicolas Sarkozy é detido por financiamento ilegal de campanha

 

A principal acusação é de que parte do dinheiro teria vindo do governo de Muamar Kadafi, ex-ditador da Líbia. A investigação começou em 2013 e envolve dinheiro em espécie que teria sido entregue aos organizadores da campanha.

Sarkozy está sendo mantido num local de controle da Polícia Judiciária para ser ouvido e pode ser detido durante 48 horas. De acordo com a imprensa francesa, ele está sendo questionado sobre as suspeitas. O ex-presidente está na localidade de Nanterre.

Depois desse prazo, ele pode ser levado diante de juízes para ser eventualmente acusado.

Esta é a primeira vez que os investigadores interrogam Sarkozy. Em 2007, ele venceu a eleição, superando a socialista Ségolène Royal.

Leia Também

Companhias ampliam ofertas de voos entre o Brasil e a Argentina

* Por: da redação - 26 de Abril de 2018. Companhias ampliam ofertas de voos …

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. Os espaços abaixo são destinados para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anónimos (sem um nome completo e e-mail valido).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *