OI TOTAL COM FIBRA
Inicio » Economia » Barbie, uma boneca que transformou os brinquedos infantis

Barbie, uma boneca que transformou os brinquedos infantis

Barbie, uma boneca que transformou os brinquedos infantis

A boneca Barbie é conhecida mundialmente, o que muitos não sabem é que a boneca transformou o mundo dos brinquedos, se tornou um símbolo e foi muito além de apenas mais uma boneca, ela vem inspirando e empoderado crianças desde o seu lançamento. Atualmente é uma marca, com bonecas, filmes, jogos online, roupas e acessórios.

Barbie, uma boneca que transformou os brinquedos infantis

 

Criada em março de 1959, Barbie ganhou seu nome em homenagem e filha de sua criadora, Barbara Millicent Roberts. Foi a primeira boneca que mostrou a vida além das donas de casa, Barbie, em toda sua história, teve mais de 180 profissões. Além de ser a boneca mais popular com o maior valor agregado de toda a história dos brinquedos, se tornou uma franquia com um valor estimado de mais de 1 bilhão de dólares. Seu impacto não se resume a isso, as maiores marcas de moda do mundo já criaram roupas para ela, incluindo Gucci, Versace e Armani.

A ideia de criar Barbie, surgiu com Ruth Handler, a qual via sua filha Bárbara com opções limitadas para brincar, apenas com bonecas que representavam bebês ou com atividades domésticas enquanto seu filho, Ken, tinha infinitas opções para brincar, ele podia brincar de bombeiro, astronauta, cowboy, cirurgião e outras incontáveis profissões.

Barbie, uma boneca que transformou os brinquedos infantis

 

O primeiro modelo da Barbie foi inspirado em uma revista em quadrinho alemã, que na realidade não era uma boneca infantil, mas sim um símbolo sexual no país, a personagem chamava Bild Lilli. Além do personagem dos quadrinhos, também existiam pequenas bonecas, as quais foram inspiração para o primeiro protótipo da boneca. Ruth conheceu Bild Lili em uma viagem a europa e trouxe a ideia para a fábrica de brinquedos do seu marido, a Mattel. Junto com Jack Ryan, Ruth Handler desenvolveu como seria a boneca. Em 1959, Barbie foi pela primeira vez lançada na Toy Fair em Nova York.

Desde seu lançamento a pequena boneca já causou alvoroços, o fato de ser a primeira boneca com uma aparência adulta e, principalmente, seios. Porém, sua criadora  Handler afirmava que as meninas sempre se inspiravam, que as crianças poderiam projetar sua identidade e seu futuro nas bonecas.

Desde sua essência a Barbie chegou para renovar o mundo infantil, se tornando até mesmo um símbolo feminista. Ela é um ótimo exemplo de mulher livre: não é casada, não tem filhos e tem uma carreira bem sucedida. Em toda sua historia a boneca pôde se moldar a diversas carreiras, já foi professora, médica, arquiteta, modelo e até mesmo astronauta, ela chegou a lua 4 anos antes do primeiro homem pisar no espaço ! Sempre, acima de tudo, a Barbie permitiu que pequenas garotas sonhavam em ser o que quiserem, desde mães até presidentes !

Além disso,  pode-se reparar que a Barbie não tem uma identidade própria, ela sempre assume um papel, até mesmo em seus filmes Por exemplo: Em: “Barbie e a Escola de Princesas”, ela é a Blair. Em: “Barbie: A princesa e a plebéia” ela é a Anneliese. Provando e permitindo que as crianças possam se imaginar em qualquer posição.

Com o passar dos anos criticas a boneca foram surgindo devido ao seu estereótipo: loira, magra e com os olhos claros. Porém, mais uma vez a Mattel mostrou que ainda podia liderar e continuar inspirando crianças e criou uma nova coleção de Barbies, com diferentes tons de pele, altura, cores e estilos de cabelo. Se adequando, mais uma vez, e mostrando o poder que uma boneca pode ter, a Barbie continua impactando e empoderando a  vida de crianças e adultos.

 

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *