PÓS-GRADUAÇÃO PUC MINHAS em MONTES CLAROS

Obtenha mais clientes com a sua ficha do Google
Inicio » Colunistas » Núbia Istela » Coluna da Núbia Istela – 5 Perguntas que ainda sou obrigada a responder

Coluna da Núbia Istela – 5 Perguntas que ainda sou obrigada a responder

Coluna da Núbia Istela – 5 Perguntas que ainda sou obrigada a responder

  • Seu marido deixa você trabalhar com isso ou aquilo?

Essa é uma das muitas perguntas bizarras que ainda sou obrigada a ouvir em pleno século XXI. Eu sempre trabalhei, e as vezes estou em algum lugar ou loja animando as festas e vem lá alguém e profere “Seu marido não liga de você trabalhar assim”? Lembrando que isso acontece até com os meus vídeos no YouTube. E o mais curioso é que não só eu, mas muitas de nós ouvimos esse tipo de conversa, outras de fato são impedidas de trabalhar.

  • Seu marido deixa você viajar sozinha?

Para quem não sabe, uma das minhas maiores paixões é viajar. Não importa o destino lá estou eu com a malas prontas. Acontece que as vezes o marido não pode ir junto. A incompatibilidade nas folgas não permite. E isso não impede de eu sair pelo Brasil afora sempre que é preciso/quero. Acredito plenamente que pessoas são livres para fazer suas escolhas. Um casamento não nos torna donos de ninguém.

  • Seu marido deixa você ter amigos homens?

Os meus melhores são homens. E essa pergunta é praticamente o carro chefe de todas as perguntas ruins. Ter amigos homens sendo casada não nos desqualifica como pessoas, como seres humanos que somos. Um matrimônio sobrevive de respeito assim como as amizades. Isolar as pessoas do mundo não é saudável e não faz bem para nenhum relacionamento. Todas nós precisamos abrir mãos do que nos machuca, prende e tortura a alma e o coração.

  • Mas você ainda não está grávida?

Todas as vezes que escuto isso uma onda de desespero toma conta de mim. A sociedade tem uma necessidade enorme de focar na vida mulher de uma forma incisiva, na tentativa de tomar as decisões mais íntimas de um indivíduo. E, nesse caso, sem tomar conhecimento do que realmente penso sobre o assunto. Vai entender.

  • Seu marido deixa você sair com essa roupa?

Com base em todas essas perguntas, acredito que a sociedade está longe do amadurecimento necessário. Há um desiquilíbrio muito grande entre o moral, o certo, o errado e a hipocrisia. O achar que um ser humano tem que ser dono do outro chega a beirar o abismo. Precisamos pensar humanamente para ontem. Os números de feminicídios têm crescido drasticamente, por pessoas que acreditam seriamente que podem cativar almas e mutilar os corpos.

Se liga nos sintomas, ninguém é dono de ninguém e um casamento não é para te fazer refém.

Tenha uma boa vida, te espero em breve em outras reflexões. Por enquanto vamos trocar umas ideias:

 

 

Twitter:@nubiaistela
Facebook: Núbia Istela
Instagram:@nubiaistela
YouTube: Núbia Istela

Não deixe de conferir o vídeo no meu canal: Machismo reverso.

Núbia Istela
Núbia Istela

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)