SMART FIT - MONTES CLAROS

Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Economia » Plataforma online faz campanha para que consumidores quitem dívidas com instituições financeiras

Plataforma online faz campanha para que consumidores quitem dívidas com instituições financeiras

Plataforma online faz campanha para que consumidores quitem dívidas com instituições financeiras

Consumidores que possuem dívidas com bancos têm a oportunidade de negociar o débito por meio da plataforma online consumidor.gov.br

Plataforma online faz campanha para que consumidores quitem dívidas com instituições financeiras
Plataforma online faz campanha para que consumidores quitem dívidas com instituições financeiras

 

O mutirão de negociação de dívidas acontece até o dia 30 deste mês.

A ação é realizada pela Associação Brasileira de Procons, junto com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), em celebração ao aniversário do Código de Defesa do Consumidor, que completou 29 anos.

A secretária-executiva do Procon Boa Vista, Sabrina Tricot, fala quais tipos de dívidas poderão ser negociadas no mutirão.

Ao entrar na plataforma consumidor.gov.br o interessado deve realizar um cadastro com dados pessoais e, em seguida, preencher as informações necessárias sobre a dívida, informando a capacidade de pagamento, a quantidade e o valor das parcelas que poderá pagar.

Após o pedido feito no site, o consumidor deverá receber uma resposta da negociação em até sete dias.

*As informações são da Radioagência Nacional. 

Aviso

  • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *