Últimas Notícias

Coluna Meio Ambiente em Foco de Victor Aragão – A crise climática da década

Coluna Meio Ambiente em Foco de Victor Aragão – A crise climática da década

A Organização Meteorológica Mundial (OMM), do ano passado para este novo ano, confirmou que 2019 cessou a pior década tendo em vista a crise climática. E não que esse período crítico tenha se encerrado com o avanço para uma nova série de 10 anos, uma vez que este novo ano, mesmo tendo se iniciado com temperaturas mais brandas, está entre os mais quentes já contabilizados.

Para a OMM, “2019 encerra uma década de calor global excepcional, perda de gelo e recorde no aumento do nível do mar, impulsionados pelos gases do efeito estufa expelidos por atividades humanas”, e a preocupação quanto à questão climática só aumenta. No ano passado, entre o primeiro mês (janeiro) e o décimo (outubro), a temperatura média na Terra revelou pouco mais de 1°C a mais do que foi contabilizado na época do “pré-industrial”.

E não somente isso. Sabe-se que o dióxido de carbono tem a capacidade de superaquecer a atmosfera, e estudos mostram que houve pouco mais de 400 partes por milhão em 2018 e o 2019 veio a seguir o mesmo padrão. Para Petteri Taalas, secretário-geral da OMM, não existem para os países, de fato, pontos críticos que possam barrar o aquecimento, ao dito nível seguro. E que 2050, o cumprimento do Acordo de Paris só é possível se ocorrer o dito “saldo líquido de emissões” à escala zero.

Uma crescente preocupação tem girado em torno dessas atuais e constantes alterações, e se faz necessárias ações mais contundentes e eficientes, tendo em vista que, a mudança climática jamais esteve ligada somente à elevação das temperaturas médias, mas também aos fenômenos meteorológicos conhecidos como de níveis extremos, como as inundações ocorridas em 2019 na região central Estados Unidos, norte da Rússia e no sudoeste asiático.

Victor Aragão
Victor Aragão