Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

Curso Instalador Energia Solar

Rússia promete vacina contra a Covid-19 para daqui a duas semanas

Rússia promete vacina contra a Covid-19 para daqui a duas semanas

A Rússia pretende aprovar uma vacina contra o novo coronavírus até 10 de agosto e, com isso, se tornar o primeiro país do mundo na corrida pela imunização contra a Covid-19. De acordo com a CNN internacional, a substância está sendo desenvolvida pelo Instituto Gamaleya, baseado em Moscou, mas tem levantado preocupações sobre sua eficácia, segurança e processos de desenvolvimento. 

Rússia promete vacina contra a Covid-19 para daqui a duas semanas
Rússia promete vacina contra a Covid-19 para daqui a duas semanas

 

Agentes federais russos ouvidos pela CNN afirmam que o objetivo é disponibilizar a imunização para o público em até duas semanas, com profissionais da saúde na linha de frente sendo os primeiros a receberem a vacina.

De acordo com a publicação, o país não divulgou nenhuma informação científica sobre a pesquisa, cuja eficácia ou segurança ainda não foram comprovadas. Críticos da aceleração no processo de aprovação da vacina alegam que há uma pressão do Kremlin para que a Rússia seja retratada como uma força científica global.

Outra preocupação é que os testes em humanos ainda estariam incompletos e a vacina não teria passado da segunda fase do processo. A ideia seria começar a terceira fase de testagens em 3 de agosto, paralelamente à vacinação em profissionais de saúde.

Cientistas russos, entretanto, afirmam que a vacina está sendo desenvolvida de forma rápida por ser adaptada de uma versão já existente e usada contra outras doenças. O processo é similar ao que o laboratório Moderna tem desenvolvido com o apoio do governo norte-americano, cujos testes chegaram à fase 3 ainda nesta semana.

Ainda na segunda-feira (27), o instituto estatal russo de virologia Vector iniciou testes clínicos – feitos em humanos – de uma segunda candidata à vacina contra a Covid-19. Segundo a agência de notícias RIA, cinco voluntários receberam o imunizante nessa fase.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *