Últimas Notícias

Avaliação: tudo sobre o Fiat Strada 2021

Saiba quais são as novidades e as diferenças do novo modelo da picape da Fiat.

Em junho de 2020, a Fiat finalmente lançou o modelo Strada 2021, a segunda geração de sua principal picape, 22 anos depois do lançamento da primeira. Com um preço inicial de R$ 63.590, a novidade é composta por três versões, que miram permanecer como uma das principais opções do mercado de picapes no Brasil.

Sendo um dos carros novos Fiat, muitos motoristas estão curiosos sobre quais são as principais novidades desse modelo. No texto abaixo, entenda melhor as características e as diferenças em relação à geração anterior.

Novos nomes e versões

A Fiat Strada 2021 chegou com novos nomes e versões: Endurance (trabalho), Volcano (lazer) e Freedom (trabalho e lazer). Essa geração é caracterizada pelas versões Endurance Cabine Simple (CS) 1.4, Freedom CS 1.3, Freedom Cabine Dupla (CD) 1.3, Endurance CD 1.4 e Volcano CD 1.3, sendo que a opção cabine dupla é a primeira da categoria com quatro portas.

As novas versões passaram a ser construídas em uma plataforma MPP, exclusiva para elas dentro da Fiat. Cerca de 90% do underbody é feito de aços de alta e ultra-alta resistência. O novo modelo mede 4,48 m de comprimento, com 1,73 m de largura, 2,73 m entre-eixos e 1,57m de altura — medidas muito semelhantes às anteriores. Na versão simples, o comprimento da caçamba é de 1,71 m, enquanto na cabine dupla, é de 1,17 m.

Visual atualizado

O visual da Strada 2021 conta com novidades, como faróis com sistema full-LED (no Vulcano) que remetem ao Argo, o hatch da Fiat. O capô ficou mais vincado, e as caixas de rodas, quadradas. A traseira também passou por uma remodelação, com novo para-choque e lanternas parecidas com as da Toro.

Quanto à caçamba, o estepe saiu do compartimento de carga para dar mais espaço. Ela tem capacidade de 650 kg e é capaz de acomodar 844 litros na cabine dupla — um aumento considerável na antiga Adventure de três portas, que tinha 680 litros. A cabine simples comporta 720 kg e 1.354 litros até as bordas.

É possível abrir a tampa traseira com apenas uma mão, sendo que a carga de abertura foi reduzida em 60%, o que a tornou muito mais leve. Assim, ela não se abre de uma única vez e é capaz de suportar até 407 kg. O compartimento ainda apresenta quatro ganchos de fixação de cargas e iluminação.

Potência reduzida

Uma das características dessa nova versão é a redução de potência por causa do novo motor, Firefly de 1332 cm³, que substituiu o E-Torq 1.8. Com isso, a picape teve um rendimento reduzido de 135 cv para 101 cv com gasolina e de 139 para 109 com etanol.

O torque também foi levemente reduzido, mas compensado pela diminuição do peso do veículo. Já o motor Fire 1.4 permanece com 85 cv para gasolina e 88 cv para etanol.

Itens de série

Todas as novas versões são equipadas de série com alguns itens bem atrativos. Dois dos principais deles são o assistente de partida em rampa e o controle eletrônico de estabilidade, que auxiliam bastante o motorista no dia a dia.

Outro item que chama a atenção é o bloqueio eletrônico do diferencial E-Locker. No caso da picape, ao contrário do Locker, ele funciona até 65 km/h, sendo ativado por um botão no painel. As versões Freedom, que vêm com motor Firefly, têm direção com assistência elétrica, enquanto a direção hidráulica está nas versões Endurance, que têm motor Fire.