Últimas Notícias

Como melhorar os indicadores de desempenho de sua equipe ?

Os indicadores de desempenho, também conhecidos como KPIs (Key Performance Indicators), são métricas que quantificam o desempenho de uma empresa em relação às metas organizacionais através da sua equipe.

Dessa forma, as empresas têm um maior conhecimento sobre as suas estratégias e como esses recursos estão se estabelecendo diante do mercado, proporcionando essa conscientização, é uma busca constante por alcançar as metas e garantir essa organização.

Esses indicadores podem ser vistos desde uma empresa de montagem mecânica das mais diversas empresas que compõem o mercado, estabelecendo estratégias cada vez mais eficazes e garantindo uma maior noção dos meios.

Esses indicadores avaliam a eficiência dos principais fatores que determinam o seu sucesso e utiliza como referência os objetivos do seu plano estratégico. Através dessa avaliação as estratégias se tornam mais diretas e impactantes.

Por isso, conhecer e utilizar esses recursos em sua empresa e nos setores que as compõem têm sido algo necessário e totalmente fundamental, proporcionando vantagens e uma maior conscientização em cada ação desenvolvida.

Tão importante quanto às ações que os motivam, os indicadores de desempenho devem estar intimamente relacionados aos importantes propósitos do negócio, a fim de contribuir efetivamente para o controle do negócio.

Assim, como exemplo em um gerenciamento de obras corporativas, ao realizar a aplicação desses  indicadores de desempenho em seu dia a dia, cada ação reúne mais eficiência e vantagens únicas.

Um indicador de desempenho é justamente uma ferramenta de gestão de medição que fornece dados quantitativos e qualitativos sobre o desempenho de uma empresa. Eles são capazes de medir se as ações realizadas atingem as metas estabelecidas no plano.

De maneira mais prática e direta, as definições desses indicadores estão alinhadas às estratégias e em como essa ferramenta se estabelece no mercado, possibilitando melhorias e fazendo com que as empresas cresçam ainda mais.

Através desses indicadores as empresas conseguem direcionar os seus conteúdos e ações para público e para objetivos específicos, conseguindo alcançar e impactar cada consumidor nesse processo.

Vale ressaltar também que o alinhamento com os objetivos organizacionais é fundamental para que essas métricas funcionem. Tendo essa junção e esse ponto de conexão fundamental é necessário.

Ao estar por dentro do conceito dos indicadores, e o quanto essa ferramenta se faz presente no mercado e em diversas empresas, acompanhe a seguir quais são os principais indicadores.

Principais indicadores de desempenho

Manter-se competitivo e ser constante no mercado, proporciona recursos e movimentações únicas, além do impacto e da eficiência com que esses recursos movimentam a empresa.

Então a pergunta que surge na mente dos empreendedores e de diversas pessoas é justamente, quais indicadores de desempenho podem ser utilizados na estratégia da empresa e  como os resultados podem estar em uma constante melhora.

Com isso, acompanhe os principais indicadores e o quanto essas ferramentas podem ser eficazes e úteis para a sua empresa.

  • Indicador de lucratividade;
  • Valor do ticket médio;
  • Nível de serviço de entregas;
  • Taxa de sucesso em vendas;
  • Índice de turnover.

Ciente disso, é possível desenvolver estratégias para o aperfeiçoamento do desenvolvimento dos indicadores da sua equipe. 

Indicador de lucratividade

Calcular o lucro com o percentual das vendas ajuda a entender melhor o caminho que um negócio está seguindo e o que pode ser feito para melhorar os resultados. Conseguindo estipular diversas aplicações e ações para que esses erros possam ser reparados.

Se sua conta for positiva, mas você não tiver dinheiro, é sinal de que seus custos estão altos e você precisa tentar lidar com o impacto. Esse ponto é extremamente importante, resultando em uma gestão mais consciente e cada vez melhor.

Através de uma boa gestão para esse desenvolvimento, os lucros da empresa crescem de forma exponencial, garantindo recursos e um bom cenário diante de um mercado tão amplo e de inúmeros concorrentes, possibilitando esse cenário, por exemplo, em uma empresa de mudas florestais as mais diversas.  

Valor do ticket médio

Esse indicador de desempenho fornece informações sobre como funciona a dinâmica de vendas e pode ser monitorado de três maneiras: por vendas, por cliente e por vendedor.

De posse desses três parâmetros, é possível determinar de forma mais ampla a atuação do departamento e identificar ações que possam maximizar resultados ou pontos de melhoria.

As possibilidades através desses pontos e dessa forma de aplicação se tornam as mais infinitas possíveis, gerando uma ampla gama de resultados e garantindo esse reparo de erro de forma consistente e direta.

Por exemplo: se uma empresa de levantamento topográfico consegue mensurar seu ticket médio por cliente, conseguirá entender quais deles estão comprando mais e melhor e mudar seu relacionamento com esses clientes, oferecendo serviços diferenciados e negociações especiais.

Dessa forma, esse processo passa por um cenário de constante evolução, fazendo com que as empresas tenham uma eficácia cada vez maior diante das suas perspectivas, e diante de ação estabelecida.

Nível de serviço de entregas

Essa métrica do setor de logística revela dados de uma das operações mais complexas, mas também os dados que mais preocupam os clientes: a entrega do produto.

Esse fator é um dos pontos chaves, justamente por uma maior observação e por ser um dos pontos finais desse processo, por isso reter o melhor e conseguir estabelecer as estratégias e a eficácia da sua empresa nessa área é algo importantíssimo.

Esse KPI é importante não apenas para entender o desempenho de suas operações de remessa, mas também para saber se sua cadeia de suprimentos está funcionando de maneira eficaz.

Com isso, conseguindo realizar uma espécie de parâmetro sobre os setores e sobre cada função estabelecida em sua empresa, buscando um aperfeiçoamento nesses recursos e nessa aplicação.

Taxa de sucesso em vendas

Essa métrica ajuda os empreendedores a entender a taxa de sucesso da empresa em cada negociação. Pode ser medido estabelecendo uma relação entre o número de vendas efetivamente fechadas e o total de oportunidades abertas em um determinado período.

Assim, como esse exemplo: uma empresa de montagem mecânica industrial ao utilizar desse recurso entende onde está o ponto principal em que os clientes desistem da compra e consumo dos produtos, reparando esses pontos e tendo eficácia em sua estratégia. 

Por isso, a utilização desse recurso se mostra necessária e um fator primordial, reparando constantes erros e fazendo com que seu negócio continue com uma estratégia valiosa e impactante diante do mercado.

Índice de turnover

Avaliar a rotatividade de funcionários pode ajudá-lo a entender os problemas internos da sua empresa. Altas taxas de rotatividade podem sinalizar problemas com liderança, clima organizacional e valorização dos funcionários.

Quando as empresas enfrentam problemas internos, elas podem repensar o atendimento ao cliente.

A reparação desses problemas tem uma grande importância em diversos aspectos e processos da empresa, ao reparar erros e conflitos internos, a aplicação de estratégias e o impulsionamento da marca se dão de forma natural.

Com isso, os colaboradores transmitem esse clima agradável, em boas aplicações de vendas e mais estratégias eficazes, despertando as habilidades e cada vez mais recursos, sendo essencial desde uma assistência técnica perícia trabalhista a uma empresa de publicidade.

Desse modo, entender esses indicadores e passar por cada função e características de todos, são pontos que proporcionam essa diferenciação para as empresas e conseguem transformar os processos até então conhecidos.

Por fim, veja como melhorar os indicadores de desempenho em sua equipe e tornar esse processo cada vez mais impactante.

Como melhorar os índices de desempenho em sua equipe

Empreendedores das mais diversas indústrias e segmentos de mercado entenderam que as relações de consumo não podem ser gerenciadas como antigamente. Assim, sendo compartilhado esse ensinamento nos meios mais diversos com exemplo em um fabricante de túnel de encolhimento e afins.

Os resultados financeiros dependem de tecnologias que melhoram diretamente a produtividade e o desempenho da equipe. Buscando constantemente essas melhorias e essas inovações em seu dia a dia.

Veja como você pode melhorar o índice de desempenho da sua equipe com dicas que vão desde qualidade de vida e liderança até ramificação de vendas, tendo essa amplitude para o entendimento e aplicação.

1 – Bom planejamento

O primeiro passo para melhorar a produtividade da equipe e o desempenho de vendas é uma revisão do plano. Buscando justamente um reparo de erros e uma consciência do momento em que a empresa vive.  

Essa revisão deve ser executada estrategicamente, incluindo um conjunto de procedimentos padrão a serem seguidos.

2 – Monitore com frequência a produtividade nas vendas

Acompanhe como estão suas vendas! Sem monitoramento de desempenho, é impossível verificar se as novas medidas estão funcionando. Por isso é fundamental realizar esse acompanhamento e utilizar recursos para essas estratégias.

3 – Compartilhe objetivos e metas

Uma  medida importante para aumentar a produtividade de sua força de vendas é compartilhar com a sua equipe as metas globais de sua organização. Isso é aplicado desde um fabricante de transportadores industriais em suas vendas, a uma empresa de marketing em seu relacionamento e dia a dia.

Se os profissionais souberem para onde a empresa quer chegar, poderão assimilar mais concretamente os passos e cada ação a ser realizada. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.