Publicidade
FENICS 2108 - RESERVE JÁ,JÁ, SEU STAND!  
Inicio » Política » Morte de Eduardo Campos repercute na imprensa internacional

Morte de Eduardo Campos repercute na imprensa internacional

A morte do candidato à presidência Eduardo Campos (PSB) repercutiu na imprensa internacional. O político estava em um jato que caiu em Santos, no litoral de São Paulo, na manhã desta quarta-feira.

New York Times
O jornal americano New York Times noticiou que a presidente Dilma Rousseff cancelou todas as atividades de campanha após a morte de Eduardo Campos. O jornal afirma que o jato em que o político viajava sofreu um acidente na cidade de Santos.

BBC
A BBC publicou que o avião em que Campos estava caiu em uma área residencial em Santos. O site citou que a Força Aérea perdeu contato com o jato depois de a aterrissagem não ter ocorrido em função do tempo ruim.

bbcreproducaoBloomberg
A agência Bloomberg noticiou a morte de Eduardo Campos com base em informações da Folha de S. Paulo e da Globo News. O site citou que o primeiro turno da eleição à Presidência da República acontece no dia 5 de outubro e que Campos estava em terceiro lugar, de acordo com as pesquisas.

A parceria com Marina Silva também foi citada.

bloombergeduardocamposThe Telegraph
O site do jornal britânico The Telegraph disse que “um candidato à presidência no Brasil” morreu em um acidente de avião.

No texto, o site cita que o embaixador britânico para o Brasil, Alex Ellis, estava “chocado com a notícia”. “Com a reabertura de nosso consulado no Recife, criamos uma grande relação com o governo de Pernambuco”.

thetelegrapheduardocamposWall Street Journal
Por volta das 14h30, o jornal americano The Wall Street Journal informou a morte do candidato por conta da queda de um avião. Segundo o jornal, Eduardo Campos estava acompanhado por sete pessoas.

Le Figaro
O site da publicação francesa publicou que o presidenciável morreu com a queda de um avião nesta quarta-feira em Santos, no litoral paulista. O texto pontuou que Campos era ex-governador de Pernambuco e antigo aliado da presidente Dilma.

Leia Também

Saiba como conhecer Nova York fazendo um cruzeiro pelo rio que corta a cidade

* Por: da redação - 16 de agosto de 2018. Saiba como conhecer Nova York …

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).