Últimas Notícias
POS ON-LINE PUC MINAS

Rita Ora se une à campanha da UEFA para incentivar o futebol feminino

Nos últimos dias, a UEFA (União das Federações Europeias de Futebol) anunciou uma parceria inédita com a cantora britânica Rita Ora, com o objetivo de trazer mais visibilidade para o futebol feminino em esfera mundial. Através dessa parceria, a UEFA irá ser a patrocinadora oficial da nova turnê da cantora pela Europa, chamada de “The Girls Tour”, e que está prevista para chegar em treze cidades do continente até o momento.

 

Por outro lado, Rita Ora também se tornou o rosto da campanha da UEFA “Together #WePlayStrong”, em tradução para o português, “Juntas #JogamosMaisFortes”, que planeja tornar o futebol feminino uma opção mais presente na vida de meninas e adolescentes. De acordo com a instituição, é nessa faixa etária que muitas jovens acabam desistindo do esporte, o que motivou a ação com foco nesse público.

Campanha “Together #WePlayStrong”

Segundo Rita Ora, os princípios dessa campanha vão além do futebol e tem o intuito de enriquecer ainda mais os debates sobre igualdade e o empoderamento das mulheres. Por esse motivo, a cantora destacou que, desde o instante em que a UEFA entrou em contato, ela apoiou essa ideia e considerou um grande privilégio fazer parte de uma iniciativa tão importante.

 

Em comunicado oficial, a UEFA também falou um pouco mais sobre essa parceria através do executivo Peter Willems, que é o responsável pelo departamento de marketing da entidade. Willems declarou que a escolha pela cantora Rita Ora para encabeçar a campanha “Together #WePlayStrong” foi ideal para se criar uma comunicação aberta com as adolescentes. Com isso, a instituição deseja se conectar cada vez mais com as jovens mulheres através da música e do entretenimento.

Essa campanha faz parte de uma estratégia da UEFA para tornar o futebol a modalidade esportiva mais praticada entre as mulheres de todas as idades no continente europeu. Nos últimos anos, o interesse pelo futebol feminino já tem aumentado na Europa, especialmente em competições internacionais como a Champions League feminina, que mobiliza torcidas e consegue boas audiências em vários países europeus.

Empoderamento feminino no futebol

Recentemente, várias seleções nacionais de futebol feminino vieram a público falar sobre temas como a igualdade de gênero no esporte e a busca por incentivos melhores, entre elas a Seleção Brasileira da modalidade. Porém, o grande destaque aconteceu na Noruega após a Federação Norueguesa de Futebol dar um passo à frente em comparação as demais e anunciar que a sua equipe de futebol feminino irá receber o mesmo salário que a masculina.

Antes de adotar essa medida, a equipe masculina da Noruega tinha salários acima do dobro do que o time feminino ganhava. Essa diferença de salários, incentivos e de estrutura é ainda maior em países latino-americanos e em outros países do continente europeu, o que motivou a UEFA a adotar essa nova estratégia de valorização do futebol feminino. Com isso, a expectativa é de que a voz das jogadores de futebol mundo afora seja cada vez mais ouvida e respeitada.