Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias
Curso - Fórmula da Eleição 2020
Inicio » Norte de Minas » Norte de Minas – Secretário de Justiça e Segurança Pública visita unidades prisionais do Norte de Minas

Norte de Minas – Secretário de Justiça e Segurança Pública visita unidades prisionais do Norte de Minas

Norte de Minas – Secretário de Justiça e Segurança Pública visita unidades prisionais do Norte de Minas

Norte de Minas – Dando continuidade ao giro pelo Estado, o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), general Mario Araujo, visitou, na última semana, unidades prisionais do Norte de Minas. As visitas técnicas fazem parte de um acompanhamento que o secretário tem feito desde o início do ano em estruturas da pasta que gerencia, com o objetivo de conhecer as realidades locais, avaliar pontos de melhorias e potencializar o trabalho de custódia e de ressocialização dos internos.

Norte de Minas - Secretário de Justiça e Segurança Pública visita unidades prisionais do Norte de Minas
Norte de Minas – Secretário de Justiça e Segurança Pública visita unidades prisionais do Norte de Minas

 

O trabalho itinerante visa ainda verificar, in loco, eventuais problemas e estabelecer políticas para garantir a melhoria contínua de cada estrutura de segurança. Durante as visitas, o secretário e sua equipe assistem, inicialmente, a uma apresentação dos dados e do perfil de cada unidade, feita pelos dirigentes. Além de um panorama geral, os diretores apresentam demandas e pontos de atenção que precisam ser melhorados. Em um segundo momento, a comitiva percorre todas as instalações físicas, verifica a estrutura da unidade e conversa com agentes e internos. Por fim, general Araujo e sua equipe dão um feedback para a direção, apontando eventuais gargalos e indicando soluções, projetos e pontos de melhoria a serem incluídos na rotina de trabalho.

Manga foi a primeira cidade do Norte a receber a comitiva da Sejusp. Durante a visita, o secretário ficou surpreendido com a organização e o trabalho realizado na unidade. “Estamos percebendo que realmente há um interesse em melhorar o sistema prisional e a qualidade do nosso atendimento. Todas as observações realizadas serão fundamentais para um trabalho ainda mais eficiente”, afirmou o diretor-geral do presídio de Manga, Heleno Marques Rodrigues.

Na sequência foi a vez do Presídio de Januária passar pela vistoria da equipe da Sejusp. O diretor-geral da unidade, Roderlei Lima Santos, acredita que todas as observações são importantes para um melhor atendimento. “Ter o secretário aqui vendo de perto os problemas que enfrentamos e nos dando um caminho para melhoria nos auxilia a conseguir corrigi-los e alcançar o padrão de qualidade proposto pela atual gestão”, disse.

O Presídio de São Francisco encerrou o giro pelo Norte. O diretor-geral Diogo Cardoso de Oliveira Santos disse que sua microrregião nunca havia recebido a visita de um secretário. “A presença do secretário e toda sua equipe nos faz acreditar que o Estado está realmente olhando por nós e que, em um futuro próximo, teremos um sistema prisional mais humanizado e eficiente na ressocialização”, comentou.

Ao final de todas as visitas, o diretor regional do Departamento Penitenciário (Depen) na 11ª Região Integrada de Segurança Pública (Risp), Adaílton Santos, disse que foi um marco para a região Norte receber o secretário em suas unidades prisionais. “Esse tipo de ação faz com que todos se sintam mais valorizados e se dediquem com mais empenho na realização do trabalho. Farei de tudo para que as observações e conselhos recebidos pela comitiva da Sejusp sejam colocados em prática o mais rápido possível para que as unidades do Norte possam também ser exemplos dentro do sistema”, afirmou.

Na análise do secretário de Segurança, general Araujo, as visitas pelo Norte proporcionaram uma visão melhor da realidade na região – algo fundamental para a melhora contínua do atendimento. “Nossa missão é custodiar e ressocializar. Por isso precisamos cuidar bem da nossa população prisional para que, assim, possamos devolvê-los à sociedade melhor do que quando os recebemos em nossas unidades.”

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *