Últimas Notícias

INOVAÇÕES DA IA E TECNOLOGIA PARA CRESCER O NEGÓCIO AGRÍCOLA

A agricultura de precisão é um assunto de grande interesse para a atividade no campo. Ela é o claro exemplo de que a tecnologia e o mundo digital chegaram nas lavouras. A agricultura de precisão tem como objetivo melhorar a produtividade dos campos e a gestão dos recursos agrícolas mediante o uso de tecnologia para assim tomar as melhores decisões.

Hoje em dia, as últimas descobertas tecnológicas tornam a vida dos agricultores muito mais fácil, pois agora eles podem monitorar e medir cada aspecto de seus campos para fornecerem evidências e dados da sua administração dos seus campos.

As aplicações da tecnologia na agricultura de precisão são inúmeras, porém podemos destacar algumas como, por exemplo, a diminuição do uso de pesticidas e herbicidas. Graças à tecnologia dos drones, os agricultores podem identificar e atuar de maneira localizada nas áreas problemáticas do cultivo, evitando aplicar estes produtos, tão daninhos para os cultivos e os seres humanos, no campo todo. Além dos pesticidas e herbicidas, a irrigação de precisão constitui uma solução efetiva para a gestão eficiente de água no seus campos, otimizando seu uso. Tudo isto também supõe uma redução de custos, economizando muito dinheiro a cada ano. Isto vai acompanhado de uma redução da mão-de-obra. Agora, os drones e as máquinas automáticas fazem o mesmo trabalho que antigamente as pessoas faziam. Assim, o uso de GPS nos equipamentos de semeadeira permite melhorar a semeadura, pois o equipamento com a informação do GPS junto com os dados de campo para controlar a libertação de sementes. O GPS também tem vantagens no solo, pois através da recolha de amostras de solo, os agricultores podem verificar os nutrientes, o nível de pH e outros dados para tomar decisões rentáveis para seus cultivos. Estes dados são utilizados para otimizar a semeadura e a fertilização na agricultura.

No entanto, uma das consequências mais grandes desta prática é a geração de grandes quantidades de dados, o que conhece-se como big data. Os agricultores introduzem dados nos aplicativos agrícolas dia após dia, armazenando uma grande quantidade de dados que podem ser analisados pelos cientistas, companhias de tecnologia e outros agricultores para verem onde pode se melhorar.

O objetivo final da agricultura de precisão é encontrar as soluções mais eficientes onde adquirem e operam com informações precisas quase em tempo real com as mais recentes técnicas de computador.

Considerado o pai da gestão estratégica, Igor Ansoff estabeleceu em 1957 quatro estratégias principais para favorecer o crescimento sustentável dos negócios: penetração do mercado (vender mais coisas para clientes objetivo), desenvolvimento do mercado (encontrar novos mercados e a segmentação de mercado), desenvolvimento do produto (desenvolver mais produtos para seu mercado alvo) e diversificação (novos produtos para novos mercados).

Assim, estas considerações podem ser aplicadas à indústria agrária para aumentar o escopo das atividades rendosas:

  • Aumento da capacidade, por exemplo, adquirindo mais gado ou acres para produzir mais e ter mais lucros.
  • Replicação: a mesma estratégia de aumento da capacidade é realizada em diferentes lugares. Isto acontece quando a expansão não é possível na localização atual.
  • Intensificação/Modernização: baseia-se na atualização dos ativos atuais para criar uma produção eficiente com a mesma base de ativos.
  • Networking: uma estratégia de crescimento vertical ou horizontal que alavanca os ativos atuais de um grupo de empresas através de acordos de informação, contratos ou empreendimentos conjuntos para assim aumentar a eficiência e as vantagens que uma empresa individual não tem sozinha.
  • Integração: uma estratégia de expansão vertical, tais como, processamento de produtos/alimentos ou fornecimento de insumos na cadeia de fornecimento.
  • Diversificação, adicionando novas empresas ao negócio existente.