Últimas Notícias

Como manter o foco na dieta? Confira dicas infalíveis que podem te ajudar!

Saber como manter o foco na dieta, em especial depois que chega uma frente fria, é um sonho para muitos. 

Contudo, à medida que as temperaturas caem e a fome aumenta, e com isso é normal que a motivação de manter o foco em sua dieta comece a perder força. Assim, a vontade de emagrecer ou de manter o peso, aos poucos, vai sendo abandonada.

O comportamento alimentar está intimamente ligado a uma série de questões, incluindo o ambiente em que vivemos, as pessoas que estamos em convivência, estresse e ansiedade. 

Além disso, é importante notar que grande parte do nosso tempo está no trabalho ou na faculdade, então, faz sentido adaptar os planos de refeições a essa rotina. Em vez de ser influenciado negativamente por colegas que o incentivam a “sabotar sua dieta”, faça o oposto e tente fazer com que seus amigos desenvolvam um estilo de vida saudável.

Veja também nosso artigo: Alimentos para você incluir na sua dieta e melhorar a saúde.

O que fazer para manter o foco na dieta no final de semana?

Geralmente nos concentramos estritamente em comer durante a semana, mas na sexta-feira, a maioria de nossos “sacrifícios” são em vão. 

No entanto, para tentar resolver este problema em específico, temos algumas dicas:

  • Adicione proteína a todas as refeições;
  • Mime-se com pequenos lanches (por exemplo, chocolate 60% cacau);
  • Não pare de treinar;
  • Procure outras atividades não diretamente relacionadas à alimentação;
  • Tenha um bom descanso;
  • Tente planejar as refeições para pelo menos um dia e siga.

Você verá que essas dicas também servem para manter o foco nos dias da semana, e esse é o ponto. 

No entanto, mesmo que seja natural querer relaxar e descontrair nos fins de semana, pelo menos ter alguma estrutura nos fins de semana ajudará a manter um ritmo alimentar positivo.

Além disso, mais uma dica não mencionada acima é não ser tão rigoroso durante a semana que você se sinta privado e queira de alguma forma “compensar” quando chegar o fim de semana.

Às vezes é melhor adicionar um pouco mais de calorias durante a semana, e isso pode ajudar você a não querer comer demais nos finais de semana. Além disso, lembre-se que uma dieta de baixa caloria nem sempre é a melhor opção, pois pode aumentar a privação!

Quais as melhores dicas para manter o foco na dieta?

Como sabemos que manter o foco na dieta é uma tarefa que oferece dificuldade a muitas pessoas, listamos a seguir uma série de dicas úteis de como manter o foco na dieta, confira!

Sempre tome o café da manhã antes de sair de casa

A jornada para o trabalho ou faculdade requer energia e foco. Não importa qual dieta você siga (tradicional ou low-carb, que significa pouco carboidrato), planeje tomar o café da manhã em casa ou prepare o seu café para viagem.

Alguns exemplos são: panquecas de manteiga de amendoim; ovos mexidos e mamão; omeletes; iogurte com frutas e granola; pão integral com requeijão.

Tenha uma alimentação planejada e organizada

Se o lugar oferecer a possibilidade de levar sua “marmita” para longe de casa, leve, assim, você terá mais controle sobre a quantidade e a qualidade da sua comida e economiza dinheiro. 

Portanto, planeje seu cardápio semanal fitness. Não deixe passar o almoço!

Atenção a autocrítica

Não dê atenção aos comentários depreciativos sobre sua nova jornada. Então, a melhor escolha é tentar manter o foco no que tem de positivo e desenvolver o amor-próprio, não importa a dificuldade. 

Assim, além de não se “sabotar”, você evita possíveis frustrações. Portanto, não se esqueça, esse processo é lento e gradual.

Se atente a escolha dos restaurantes ao comer fora

Evite comer nos sistemas de “buffet à vontade”, é melhor escolher os restaurantes a quilo ou por pratos individuais. 

Além disso, acalme-se ao ler o cardápio e evite o impulso. Evite alimentos fritos, cremosos, assados ​​e empanados. Não tenha pressa para escolher. Sempre negocie e troque quando achar necessário.

Deixe a balança de lado

Tire sua atenção do peso. Pois, querer perder peso é aceitável, mas quando nossa saúde é prejudicada — seja restringindo demais ou comendo uma dieta desequilibrada — os resultados podem ser desastrosos. 

Se atente no momento de montar a marmita ou o prato

Metade (ou seja 50%) do prato deve consistir de vegetais, (25%) de proteína magra grelhada, assada, cozida (filés, frango, peixe, frutos do mar ou ovos) (25%) de “maior” composição de carboidratos. Como, por exemplo, quinoa, arroz, cuscuz, batata, tapioca ou inhame. 

Contudo, você deve evitar dois acompanhamentos ricos em carboidratos “grandes”. Além disso, você deve priorizar o colorido do prato, para assim possuir uma maior variedade de nutrientes.

Faça lances em meio as refeições, em especial a tarde

Em primeiro lugar, vale destacar que a escolha dependerá se há uma geladeira e se o trabalho oferece alguma coisa. 

Contudo, em todo caso faça o seu “kit de sobrevivência” caso precise levá-lo para longe de casa. Além disso, a melhor combinação é uma combinação de carboidratos com proteínas ou gorduras “boas”. 

Como exemplos, podemos citar: iogurte de frutas, sanduíches de ricota ou atum, mix de nozes (1 pacote de 50g) ou tapioca de queijo minas.

Se atente ao consumo das bebidas com muito açúcar

Já de início queremos citar alguns exemplos: suco de caixa, mate, chás ou adição de açúcar ao suco de frutas. 

Pois, se tratam de bebidas que contam com uma alta concentração de energia. Então, para reduzir ou evitar açúcares adicionais, você tem a opção de fazer a substituição dos adoçantes por estévia, xilitol ou sucralose.