Últimas Notícias

Como fazer uma redação de qualidade?

Muitos alunos se perguntam: como escrever um bom trabalho? Definimos que essa preocupação nunca será à toa. Afinal, uma nota zero na redação escrita pode impedir os jovens de ingressar em universidades ou até mesmo de obter um diploma do ensino médio.

Portanto, ao se preparar para o exame, a redação não deve ser perdida ou concluída com pressa. Lembre-se que ir bem no vestibular é fundamental, principalmente para quem optar por fazer o Enem para ingressar na universidade.

Ainda não sabe como escrever uma boa redação? Neste post, vamos lhe explicar quais serão os principais passos para uma escrita adequada.

Além dessas dicas, indicamos que você faça um Curso de Redação Online, com o objetivo de melhorar a sua escrita.

Vamos lá?

1. Desenvolva o hábito da leitura

Primeiro, para escrever bem, a leitura regular é importante. Portanto, este deve ser o primeiro passo em uma grande jornada de escrita. Mesmo que seja difícil no início, jamais desanime. Comece com livros mais curtos e fáceis de ler, mas certifique-se de lê-los.

Esse hábito ajuda os alunos a estimular a imaginação enquanto escrevem, ampliar o vocabulário e ter mais repertório.

Você sabe que a nota mil na redação do ENEM é desejo de todo aluno, correto? Você pode obter notas altas se usar referências de livros e, assim, fortalecer seus argumentos. Com os livros como seus melhores amigos, você será mais capaz de escrever textos melhores nas resenhas.

2. Estrutura

Com o objetivo de tirar uma boa nota, vale conhecer a estrutura mínima necessária para se sair bem na redação e todos os critérios de avaliação da banca de correção. Em vestibulares, é comum cobrar por redações argumentativas.

Esse tipo de redação tem o costume de ser no mínimo de 30 linhas e com 4 parágrafos.

3. Escreva de forma que seja simples

Não pense que você precisa ser um gênio literário para se destacar na escrita. O principal é seguir os critérios da equipe de avaliação. Portanto, não busque usar um vocabulário que seja mais sofisticado, quando você investe nele, as chances de tornar o texto chato e confuso são muito maiores.

Basta escrever de forma simples, focar no tema escolhido pela banca e evitar erros gramaticais e erros ortográficos.

Um texto que seja bem organizado será o suficiente para garantir um bom resultado na avaliação. Quer saber ortografia mais simples? Faça um Curso de Redação Gratuito.

4. Use frases curtas

Evite longos períodos de tempo que ocupam um parágrafo inteiro. Eles geralmente são mais propensos a erros. É melhor dividir seus pensamentos em frases curtas para não confundir a banca de correção. Lembre-se de sempre conectar as ideias com o objetivo de não afetar os argumentos ao longo da redação.

5. Claro e objetivo

Evite ideias longas e repetitivas. Muito texto modificador, usando uma série de adjetivos para adicionar linhas é inútil. Os artigos não precisam ser longos. Mais importante ainda, comunica de forma clara e objetiva o ponto defendido.

Certifique-se também de que você pode detalhar seus argumentos de maneira compreensível. Não deixe dicas que possam causar problemas na interpretação, pois o corretor não conseguirá adivinhar o que você deseja dizer. Às vezes tudo parece óbvio em nossas mentes, mas pode não ser assim para os outros.

6. Coesão e coerência

Definimos que essas duas palavras são fundamentais para uma boa escrita. Além de criar uma lógica e coerente dentro das ideias no texto, também é necessária uma boa expressão gramatical para amarrar as frases.

7. Treine duro

Depois de entender a estrutura do texto e de todas as regras que você precisa seguir, é chegada a hora de praticar.

Além de ler e estudar o assunto, você também deve escrever, reler o que escreveu, corrigir e praticar muito. Só então você estará totalmente preparado.

A prática é importante para você se acostumar a escrever e se preparar para o exame. Mesmo com conhecimento, diversos candidatos se saem mal em provas e vestibulares por nervosismo ou falta de concentração.

Como os fatores emocionais e psicológicos também são importantes, vale a pena simular e praticar em poucos minutos para que você se acostume a escrever seu trabalho no horário agendado.

8. Mantenha-se informado

Um passo importante para escrever um bom ensaio é entender os eventos atuais e as questões sociais. Muitas vezes, as bancas e os vestibulares escolhem como temas de avaliação assuntos que estão em discussão ou relacionados à realidade brasileira durante o ano.

Portanto, leia notícias em diversos meios de comunicação: jornais, revistas e sites. Tenha em mente que você deve exercitar a sua capacidade de argumentar com várias questões, você não ficará surpreso e se dará bem, não importa o assunto.

9. Expanda seu acervo cultural

Mesmo se você tiver um grande interesse no mundo dos jogos e da tecnologia, como a maioria dos jovens de hoje, vale a pena ir um pouco além do seu mundo habitual para mergulhar em outros tópicos. Isso porque é muito mais fácil escrever um bom artigo se você tiver pelo menos um conhecimento prévio mínimo do tópico em questão.

Sempre que possível, a leitura pode enriquecer a diversidade de seu repertório cultural sobre alguns assuntos, como, por exemplo: arte, cinema, literatura, política, economia, entre outros. Quanto mais tópicos você souber, mais argumentos usará nas redações e rodas de conversa.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.