Semana Global do Empreendedorismo - CLIQUE AQUI

Últimas Notícias
Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Médicos especialista definem fim da greve e retorno ao trabalho nas policlínicas de montes claros

Montes Claros – Médicos especialista definem fim da greve e retorno ao trabalho nas policlínicas de montes claros

Montes Claros – Médicos especialista definem fim da greve e retorno ao trabalho nas policlínicas de montes claros

Os médicos especialistas, que atendem ao município de Montes Claros nas policlínicas, definiram durante assembleia o fim do movimento de greve e retorno ao trabalho para o próximo dia 26 de setembro. Os profissionais, que iniciaram greve no último dia 15, aceitaram a carta de intenções da Secretaria de Saúde municipal, assinada pelo secretário de saúde, Geraldo Edson Souza Guerra, que se compromete com vários pontos reivindicados pelos médicos.

Montes Claros - Médicos especialista definem fim da greve e retorno ao trabalho nas policlínicas de montes claros
Montes Claros – Médicos especialista definem fim da greve e retorno ao trabalho nas policlínicas de montes claros

A carta de intenções foi entregue ao Sindicato dos Médicos de Montes Claros e Norte de Minas (Sindmed) com propostas às demandas apresentadas pelos médicos especialistas que atendem nas policlínicas do município (entre elas, Alpheu de Quadros, Ariosto e Alto São João). O Sindmed deliberou seu conteúdo para aprovação durante assembleia na noite desta quarta-feira, respeitando período de convocação e publicidade do chamado.

Entre as reivindicações apresentadas pelo movimento grevista, a Secretaria de Saúde se comprometeu, entre outros pontos, atualizar o plano de cargos e salários dos médicos – a ser discutido com o Sindmed e posterior apreciação pelo Ministério Público -, discutir junto ao Sindicato os critérios de produtividade dos médicos e ainda reconheceu a necessidade de realizar concurso público para provimento de cargos vagos e daqueles que surgirem em função da demanda.

A paralisação envolveu mais de 90 profissionais e buscou solucionar algumas das várias reivindicações dos médicos especialistas, entre elas a defasagem salarial, falta de estrutura ideal para trabalho em algumas clínicas, necessidade de reestruturação da carga horária de trabalho e realização de concurso público.

Movimento

Com a conclusão de mais uma etapa de negociações, o movimento que busca a valorização dos médicos que atendem ao município, completa quase um ano, sendo iniciada em outubro de 2015.

Devido ao período eleitoral do presente ano, ficou acordado pelos médicos durante a assembleia atender o retorno ao serviço e aguardar o término das eleições para que as demandas sejam, enfim, atendidas, conforme instrução do Ministério Público, que vem acompanhando os passos desta negociação entre médicos especialistas e o município de Montes Claros.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *