SMART FIT - MONTES CLAROS

Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Minas Gerais » MG – Incêndios em áreas de vegetação aumentam mais de 31% em Minas

MG – Incêndios em áreas de vegetação aumentam mais de 31% em Minas

MG – Incêndios em áreas de vegetação aumentam mais de 31% em Minas

MG – Entre os meses de janeiro a julho deste ano, o número de queimadas em Minas Gerais aumentou 31,18%, em comparação com o mesmo período do ano passado. Ao todo, foram 8.928 ocorrências no estado.

MG - Incêndios em áreas de vegetação aumentam mais de 31% em Minas
MG – Incêndios em áreas de vegetação aumentam mais de 31% em Minas

 

Os números apontam todas as ocorrências registradas durante os sete primeiros meses deste ano. São 2.122 queimadas a mais do que o registrado no ano anterior no estado.

Nesta época do ano as queimadas são comuns por conta do clima seco e dos ventos mais fortes. Apesar disso, de acordo com o Corpo de Bombeiros, 99% das causas são humanas, podendo ser criminosa.

Na capital mineira também houve crescimento no número de incêndios em vegetações. Durante o mesmo período foram constadas 771, enquanto neste ano houve um um crescimento, chegando a 818. O aumento foi de 6,10%.

A pena para quem colocar incêndio em uma vegetação é de 2 a 4 anos de prisão e multa. No caso de queimadas sem intenção é pena pode chegar a 1 ano de prisão.

Aviso

  • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *