Vaga no Bolso

Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Emissão de NFC e obrigatória para empresas que ainda utilizam cupom fiscal

Montes Claros – Emissão de NFC e obrigatória para empresas que ainda utilizam cupom fiscal

Montes Claros – Emissão de NFC e obrigatória para empresas que ainda utilizam cupom fiscal

Montes Claros – Varejistas e contadores discutem o tema no Encontro Empresarial, nesta segunda (23) , na ACI em Montes Claros.

Hankel Márcio Lúcio de Souza, especialista em implantação de sistemas, da Softcom Tecnologia
Hankel Márcio Lúcio de Souza, especialista em implantação de sistemas, da Softcom Tecnologia

 

De acordo com o Decreto 47.562/18, do Estado de Minas Gerais, a emissão da Nota Fiscal Eletrônica do Consumidor (NFCe) está sendo disponibilizada ao longo de 2019 para os varejistas mineiros. Porém, alguns estabelecimentos ainda estão emitindo o cupom fiscal através do Emissor de Cupom Fiscal (ECF). Para discutir sobre esta mudança, na próxima segunda-feira, 23, haverá um Encontro Empresarial, na Associação Comercial Industrial e de Serviços de Montes Claros, às 19h, para gestores e contabilistas.

Hankel Márcio Lúcio de Souza, especialista em implantação de sistemas, da Softcom Tecnologia, explica que “o objetivo da palestra é apresentar as mudanças para que o empresário possa se preparar. Este é o primeiro evento sobre o tema para contadores e empresários em Montes Claros, mas a mudança do sistema em outros estados começou desde 2013. Minas Gerais iniciou a exigência a partir de março de 2019 e a Receita Estadual implantou o prazo máximo até o dia 01 de fevereiro de 2020”.

Com uma população de 352 mil pessoas, Montes Claros possui 15.574 empresas ativas, segundo dados do JUCEMG – Junta Comercial de Minas Gerais – relativos a abril de 2019; sendo, na grande maioria, do segmento de comércio e de serviços.

Hankel destaca que “na prática, as empresas atualmente emitem série D ou cupom fiscal através da eCF. A partir da nova norma, todas as empresas que trabalham com vendas de produtos e produtos e serviços terão de emitir a NFCe – Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica. O documento digital fiscal serve para registrar as transações comerciais realizadas entre uma empresa e o consumidor final.

A tendência é agilizar as informações junto a receita e desburocratizar o sistema. Assim, o empresário deve buscar a liberação junto à Secretaria da Fazenda para garantir a certificação digital, possuir computador com um programa especializado e ter acesso à internet.

“Os processos que fazem parte da rotina fiscal da empresa sofrem uma tendência natural para a migração para o ambiente digital, isso favorece o acesso posterior, a gestão da empresa e a transferência de dados rapidamente entre empresas, consumidores e o Estado”, conclui.

Inscrições no local, rua Carlos Gomes, 110- Centro.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *