Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

Curso Instalador Energia Solar

Corpo de animal que tem 18 mil anos é encontrado na Sibéria

Corpo de animal que tem 18 mil anos é encontrado na Sibéria

Um corpo de um animal foi encontrado no gelo próximo ao rio Indigirka, em Yakutsk, na Sibéria (Rússia). A cidade é uma das frias do mundo. O animal, que é um filhote e tem 18 mil anos, pode ser o cão mais antigo já confirmado.

Apelidado de Dogor, que significa “cachorro ou lobo”, o animal está sendo estudado desde o verão de 2018, quando foi encontrado. O filhote é acompanhado pelos cientistas Love Dalén e Dave Stanton. Ambos tentam descobrir se o animal é um cão ou um lobo. Neste período, os cães já foram domesticados.

O animal está bastante conservado. Segundo os cientistas, parece até que ele morreu recentemente. Os dentes estão preservados e o corpo coberto de pelos. Além disso, ele está com a caixa torácica exposta e os olhos fechados.

Corpo de animal que tem 18 mil anos é encontrado na Sibéria

Para tentar desvendar que espécie de animal é Dogor, cientistas russos enviaram amostras do canino ao Centro Sueco de Paleogenética (CPG). Uma das hipóteses é que o animal seja uma espécie transitória entre cão e lobo. A causa da morte do filhote ainda está sendo investigada.

 

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *