Inicio » Colunistas » Hesiodo José » Coluna – Fragmentos Diários; (Aumento e também invento)

Coluna – Fragmentos Diários; (Aumento e também invento)

Coluna – Fragmentos Diários; (Aumento e também invento)

O dia das coisas

Um projeto de lei aprovado por unanimidade na Câmara Municipal de Coronel Fabriciano, na Região do Vale do Rio Doce, está gerando polêmica antes mesmo de seguir para sanção ou veto da prefeita da cidade. A vereadora Andréia Botelho (PSL), que é evangélica, apresentou o PL 2.559/2015 que cria o Dia Municipal da Esposa do Pastor, a ser comemorado em 3 de março de cada ano. A aprovação ocorreu no último dia 10 em sessão ordinária da Casa Legislativa. De acordo com a Câmara Municipal, a parlamentar argumentou que o projeto tem a intenção de reconhecer o trabalho e a dedicação “daquela que defende e apoia a vida com Deus ao lado do seu esposo”. Na justificativa de relevância do projeto, Botelho ainda disse que seria gratificante comemorar a data por ser no mês em que se celebra o Dia Internacional da Mulher (8 de março). E isso segundo o Cientista Politico Alberto Capanzaz é perigoso e poderá servir de exemplo para outras legislaturas. O pior é que já tem gente tentando surfar na onda, em Montes Claros que fica ao Norte de Minas um vereador que de vez em quando tem surtos e sobe  em  capôs de carros para fazer pregações em frente a Casa do Legislativo, pretende criar o dia do Pastor Evangelico. Em Bocaiuva os Padres se unem para tornar santo um deles que ainda está vivo, Padre Duduca que todo ano se veste de Papai Noel para levar presente as crianças carentes. Em Januária também no Norte a Associação dos Pescadores se juntaram para pedir aos vereadores que aprovem o dia do Surubim, em homenagem ao peixe mais gostoso daquelas águas.

Devotos

Um ônibus de romeiros que estava em  visita a Aparecida do Norte em São Paulo, passou  o ultimo dia 22 prestando esclarecimentos na delegacia da cidade, segundo testemunhas um homem e uma mulher que se conheceram durante a viagem, resolveram juntar os órgão genitais e fazer uma oração diferente nas ultimas cadeiras, o problema é que ao lado do banco estava um Padre que fora o organizador da viagem, o casal em depoimento disse a policia que estava pagando uma promessa feita pela mulher que é casada com um homem que viaja muito por estradas perigosas, segundo ela na ultima viagem do marido para uma cidade do Paraguai, ela prometeu a Santa que se ele voltasse bem faria uma grande sacrifício em Aparecida, para ela ficar com outro homem depois de 40 anos de casamento realmente  era um enorme sacrifício e pelo marido  seria capaz de qualquer coisa, até dar para outro.

caroamigo

Um Supermercado do Centro de Montes Claros Coca Cola a quilo

cocacola

Velórios sem graça

O ministério da Cultura chinês decidiu esta quinta-feira acabar com os espetáculos de striptease nos funerais, justificando tratar-se de uma «grave ofensa».  Segundo a agência France Presse, a prática estava a tornar-se comum em algumas zonas rurais, de modo a atrair mais público às cerimónias fúnebres.  Pelos vistos, a tática e o negócio resultava, já que a agência de notícias cita um exemplo na província de Jiangsu em que um casal de strippers conseguiu atrair 500 pessoas a uma aldeia, despindo peça a peça de roupa até revelarem os órgãos genitais.  Um jornal chinês descreve que na província de Hebei, um show de striptease decorria num palco com um ecrã gigante com a imagem do falecido por trás.  As mortes vão continuar a acontecer, é a lei da vida, mas a lei da China acabou com o espetáculo da morte.

Riso da Hora

O tonto entrou no bar pela decima vez no dia e pediu uma cachaça. O dono, português, já não agüentando mais, porem não podendo perder a freguesia, pegou o primeiro copo que viu (sujo, certamente) e foi servir ao bebum. Assim que começou a despejar a caninha, percebeu que no copo tinha uma barata. Não se importou e mandou ver (talvez o tonto desse sossego pra ele depois desta). O sujeito pegou o copo e tomou a bebida de uma vez. Quando ainda estava descendo pela goela, percebeu alguma coisa diferente na boca. Deu uma parada, uma mordida, sentiu o gostinho meio amargo e engoliu tudo de vez. Depois que fez a cara feia, virou pro português e gritou: – Bota outra aih!… E capricha na ameixa, viu !

Fica assim, amanhã tem mais…

Por Hesiodo José

Hesiodo José
Hesiodo José

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

MG - Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

MG – Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.MG – Jovem …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).