Inicio » Montes Claros » Montes Claros – A cidade de Montes Claros vai ganhar centro de tratamento especializado em AVC

Montes Claros – A cidade de Montes Claros vai ganhar centro de tratamento especializado em AVC

 

Rotary doará cerca de 1,2 milhões para equipamentos e capacitação no atendimento a pacientes com AVC

O projeto de instalação de uma unidade para tratamento de AVC contemplará a Santa Casa de Montes Claros
O projeto de instalação de uma unidade para tratamento de AVC contemplará a Santa Casa de Montes Claros

PUBLICIDADE

///////////////////////////

A ADENOR – Agência de Desenvolvimento da Região Norte de Minas –, entidade colaboradora da implantação do Centro Especializado em AVC, convidou lideranças de entidades para conhecerem projeto, através do Governador do Rotary e médico em São Paulo, Marcelo Haick, que visitou a Agência, na última sexta-feira, dia 12 de fevereiro.

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é um problema sério de saúde, que anualmente leva a óbito mais de 120 mil pessoas no Brasil. Para prevenir e tratar esta doença grave, o Rotary vai investir 300 mil dólares, cerca de 1,2 milhões de reais, em equipamentos e capacitação de profissionais em Montes Claros e região.

O projeto de instalação de uma unidade para tratamento de AVC  contemplará a Santa Casa de Montes Claros com os equipamentos e a capacitação será feita com as equipes do Samu. Segundo Marcelo Haick, “estes profissionais serão multiplicadores em outras cidades do Norte de Minas, permitindo a reabilitação dos sequelados pelo AVC com abrangência regional”.

Um dos coordenadores da iniciativa, Alexandre Pires Ramos, diretor de projetos da Adenor – conta que do montante de 300 mil dólares do projeto, 70 mil são originários do Rotary mineiro e 10 mil dos oitos clubes de Montes Claros, o restante é doação de americanos. “A Adenor vai ajudar na divulgação do programa e captação de mais parcerias nas esferas pública e privada. A comunidade precisa dar suporte pois a iniciativa será um legado na melhora do padrão de atendimento à saúde regional nesta área de emergência”.

A escolha da Santa Casa se deve porque o hospital é referência em neurocirurgia e é credenciado pelo SUS para este tipo de atendimento. O suporte do atendimento será feito pelo SUS através de protocolo que está sendo firmado com a Santa Casa. Em reunião com a Unimontes, foi sugerido que desenvolvesse pesquisa para detectar as causas do alto índice de AVC no Norte de Minas, com apoio da Fapemig.

Socorro Carvalho, da Ouvidoria da Santa Casa, lembra sobre as realidades diferentes na rotina do hospital, que vai da alta complexidade dos procedimentos até as deficiências do pronto socorro superlotado. Segundo ela, “do total de pacientes atendidos, 40% têm doenças degenerativas  e 80% vêm de outras cidades. Daí a importância deste programa do Rotary, as ações a médio e longo prazos terão desdobramentos imensuráveis de diminuição dos óbitos e sequelas”.

Pávilo de Miranda, presidente da Adenor e médico, lembra que “o perfil etário de sobrevida aumenta no país. A promoção, prevenção e tratamento fazem parte de ações do poder público para dar mais qualidade de vida aos idosos. Estas ações podem e devem ser intensificadas com o programa contra o AVC em Montes Claros, já que grande parte das vítimas é diabética, hipertensa ou tem insuficiência renal. Criar multiplicadores para a prevenção é fundamental”, pontua.

Para Marcelo Haick, dentre as discussões de tantos temas importantes pelos membros dos rotarys, o AVC passa a ser prioridade na área de saúde.  “No ano do centenário da Fundação Rotária, além de estarmos cada vez mais sensíveis às necessidades da sociedade, buscamos antes as soluções com projetos sustentáveis a longo prazo, como este de tratamento do AVC, que ganha a iniciativa da fundação e continuará a ser mantido pelo poder público e comunidade”.

A licitação para compra dos equipamentos está prevista para abril deste ano. Outras entidades participaram e se comprometeram a participar do programa, como o Sindicato Rural, Credinor, CDL, Fundetec e ACI.

Agência Mosaico

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Norte de Minas - Sistema Sedinor/Idene, Codevasf e a Epamig promovem seminário para discutir o futuro da macaúba na região Norte de Minas

Norte de Minas – Sistema Sedinor/Idene, Codevasf e a Epamig promovem seminário para discutir o futuro da macaúba na região Norte de Minas

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016.Norte de Minas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).