Vaga no Bolso

Inicio » Colunistas » Júlio Cesar Cardoso » Coluna do Júlio C. Cardoso – A irreverência do empedernido deputado Edmilson Rodrigues (PSOL-PA)

Coluna do Júlio C. Cardoso – A irreverência do empedernido deputado Edmilson Rodrigues (PSOL-PA)

Coluna do Júlio C. Cardoso – A irreverência do empedernido deputado Edmilson Rodrigues (PSOL-PA)

É dever do PSL acionar, no Conselho de Ética da Câmara Federal, a conduta irracional e não compatível de um membro do Parlamento brasileiro, que declara sarcasticamente, desrespeitando a figura do presidente da República, que “Eu acho que o governo deveria definir sua estratégia, mas não se entende. O Presidente está para morrer”, afirmou o deputado Edmilson Rodrigues (PSOL-PA).

A declaração maledicente e ofensiva do parlamentar, por si só, já deveria ensejar do presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia, providências no campo da ética e do decoro parlamentar.

A declaração do deputado Edmilson Rodrigues revela a antipatia político-partidária e não se coaduna com a saudável convivência de povo civilizado em pleno Estado Democrático de Direito.

O atentado a que foi vítima o senhor presidente Bolsonaro, que quase provocou a sua morte, não pode servir de chacota de quem quer que seja. Assim como foi vítima o então candidato deputado Bolsonaro, poderia também ter sido vítima o irreverente e empedernido deputado Edmilson Rodrigues.

Portanto, espera-se que a Câmara Federal, através de seu presidente e dos membros do Conselho de Ética, puna exemplarmente o deputado Edmilson Rodrigues, que revela não ter estatura e estrutura para exercer democraticamente o seu mandato.

Júlio César Cardoso

 

Júlio César Cardoso
Júlio César Cardoso

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *