PÓS-GRADUAÇÃO PUC MINHAS em MONTES CLAROS

Obtenha mais clientes com a sua ficha do Google
Inicio » Últimas » MG – Mulher é encarcerada, agredida e estuprada por ex, durante quatro dias

MG – Mulher é encarcerada, agredida e estuprada por ex, durante quatro dias

Uma mulher de 27 anos foi agredida, encarcerada e estuprada pelo ex durante quatro dias, na casa dele, em Juiz de Fora, na Zona da Mata. A Polícia Militar (PM) foi ao local e prendeu o suspeito nessa segunda-feira (19) ao receber uma denúncia.

MG - Mulher é encarcerada, agredida e estuprada por ex, durante quatro dias
MG – Mulher é encarcerada, agredida e estuprada por ex, durante quatro dias.

.

.

Na residência do homem de 42 anos, na rua Rosalina Praxedes de Albuquerque, no bairro Cesário Alvim, ele informou aos policiais que a mulher não estaria com ele, garantindo que a mãe dela já a teria buscado. Contudo, os militares perceberam que havia cadeado com corrente em um portão, neste momento, a vítima apareceu com o rosto cheio de hematomas.

A mulher foi logo dizendo que queria sair do local. Os militares entraram e logo viram que tinha marcas de sangue na parede do quarto, no colchão e no chão.

Longe do suspeito, a mulher contou que encontrou com o homem na última sexta-feira (16) e que ele a convidou para ir para a casa dele. Ela aceitou, já que eles já se relacionaram em data posterior.

.

.

Na casa, ele teria começado a agredi-la, e a acorrentou para que não deixasse o local. Ela teria sido chutada, recebido socos e apanhado com um pedaço de pau. Ele ainda teria mantido relações sexuais com ela, sempre fazendo uso de crack, mantendo-a presa, sem comida e sem água.

A jovem foi encaminhada para um hospital, onde ficou internada, e ele foi levado para delegacia.

Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, a prisão do suspeito foi ratificada por estupro, cárcere privado e lesão corporal e ele está preso no Centro de Remanejamento Prisional de Juiz de Fora.

As informações são do Portal O Tempo

.

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *