Empréstimo Consignado para aposentados, pensionistas do INSS

Últimas Notícias
Casa das Apostas Online Betway

Infestação de animais peçonhentos assusta moradores de bairro em Montes Claros

Infestação de animais peçonhentos assusta moradores de bairro em Montes Claros

Moradores  do Bairro Interlagos em Montes Claros estão apreensivos e assustados com a presença de animais peçonhentos nas residências do bairro.

Infestação de animais peçonhentos assusta moradores de bairro em Montes Claros
Infestação de animais peçonhentos assusta moradores de bairro em Montes Claros

Nesta segunda (26/03/2018) apareceram quatro escorpiões aqui em casa. Na semana passada foram sete, afirma uma vizinha.

De acordo com os moradores do bairro a principal causa está relacionada ao grande número de terrenos abandonados na região.  Ainda conforme o morador, o local serve apenas para a proliferação de insetos, cobras, ratos e acúmulo de entulho. “Constantemente, temos que enfrentar as infestações das pragas, insetos, cobras, barata, escorpiones e até mesmo rato”, disse. Ele apela à prefeitura para que tome providências junto aos proprietários de terrenos visando à limpeza do local.

De acordo com a moradora, a situação já foi comunicada à prefeitura, mas a limpeza ainda não foi realizada no bairro.

Em nota a prefeitura de Montes Claros, diz:

A prefeitura afirmou que técnicos da secretaria de Obras e Infraestrutura irão nesta quarta-feira ao bairro Interlagos para iniciar um levantamento dos terrenos que se encontram abandonados. “Os donos dos terrenos particulares serão identificados e cobrados pelos serviços de limpeza destes locais. Se, por ventura, tiver terrenos que pertencem ao município na mesma situação, eles serão limpos imediatamente”, afirmou o assessor de comunicação Alessandro Freire.

O que fazer em caso de picada de escorpião

A picada de escorpião, na maioria das vezes, causa poucos sintomas, como vermelhidão, inchaço e dor no local da picada, entretanto, alguns casos podem ser mais graves, causando sintomas generalizados, como enjoo, vômitos, dor de cabeça, espasmos musculares e queda da pressão, havendo, até, risco de morte.

Em caso de picada de escorpião, os primeiros socorros são:

  1. Lavar o local da picada com água e sabão;
  2. Manter o local da picada voltado para cima;
  3. Não cortar, furar ou apertar o local da picada;
  4. Beber bastante água;
  5. Ir o mais rapido possível a um pronto-socorro ou ligar para o SAMU 192.

Os tipos de escorpião mais perigosos são o escorpião amarelo, marrom, amarelo do nordeste e escorpião preto da Amazônia, mas a gravidade do quadro depende, também, da quantidade de veneno que foi injetada e da imunidade de cada pessoa.

 

Principais sintomas da picada

Os sintomas da picada de escorpião são dor e inflamação no local da picada, com vermelhidão, inchaço e calor local que dura de algumas horas até 2 dias, mas, em casos podem acontecer sintomas mais graves, como:

  • Enjoo e vômitos;
  • Tontura;
  • Dor de cabeça;
  • Tremor e espasmos musculares;
  • Suor;
  • Palidez;
  • Sonolência ou agitação
  • Pressão baixa ou pressão alta;
  • Batimentos cardíacos acelerados ou fracos;
  • Falta de ar.

Em casos muito raros, a picada de escorpião pode causar até arritmias e parada cardíaca, que podem levar a morte, se a pessoa não for rapidamente atendida e tratada.

Como é feito o tratamento

Para aliviar a dor e a inflamação no local da picada, é recomendada a aplicação de compressas com água morna, e o uso de analgésicos ou antiinflamatórios, como dipirona ou ibuprofeno, por exemplo, receitados pelo médico.

Em pacientes com sintomas mais graves, é necessário o uso do soro antiescorpiônico, que será prescrito pelo médico do pronto atendimento, para cortar o efeito do veneno no organismo. Nestes casos, também é feita a hidratação com soro fisiológico na veia e observação por algumas horas, até os sintomas terem desaparecido.

Como identificar o tipo de escorpião 

A melhor maneira de saber se o tipo de escorpião é muito venenoso é, se possível, capturar e levar o animal para ser identificado, no pronto-socorro. Existem cerca de 30 espécies de escorpião no Brasil, sendo que os mais perigosos são:

Escorpião Amarelo – apresenta coloração amarelo-claro, com manchas mais escuras no dorso e cauda, e mede até 7 cm de comprimento. É o escorpião mais perigoso, e sua picada causa dor e dormência, podendo levar a náuseas, vômitos, suor e arritmias, principalmente em crianças e idosos.

Escorpião Marrom – tem coloração marrom-escuro ou marrom-avermelhado, com patas amarelas e manchadas, e mede cerca de 7 cm. É muito encontrado em regiões úmidas, e sua picada causa muita dor, dormência, náuseas e mal-estar.

Escorpião do Nordeste – possui uma coloração amarelada, com uma linha mais escura no centro, e um pequeno triângulo mais escuro em sua cabeça. Geralmente causa quadros leves, com dor e dormência no local da picada.

Escorpião preto da Amazônia – tem uma coloração escura, quase negra, e mede cerca de 8,5cm. Sua picada causa intensa dor e inflamação local, com sensação de ferroada e queimação, além de poder causar sintomas graves, como, arritmias, tonturas, falta de ar e sonolência.

Como evitar a picada de escorpião

Para prevenir a picada de escorpião, é recomendado tomar alguns cuidados em casa, como:

  • Manter a casa limpa, retirando acúmulos de sujeira atrás de móveis, cortinas e tapetes;
  • Limpar o quintal ou jardim, para evitar acúmulo de entulhos e lixo nestes locais;
  • Evitar andar descalço ou colocar as mãos em buracos ou frestas;
  • Manter animais como galinha, coruja, gansos ou sapos no quintal, pois são predadores dos escorpiões;
  • Inspecionar roupas e calçados antes de usá-los.

A limpeza é importante, pois, locais sujos, com infestação de baratas e ratos, por exemplo, atraem mais facilmente animais peçonhentos como, escorpiões, aranhas e cobras.