Inicio » Colunistas » Jerusia Arruda » Coluna da Jerusia Arruda – SAFRA RECORDE

Coluna da Jerusia Arruda – SAFRA RECORDE

Coluna da Jerusia Arruda – SAFRA RECORDE

SAFRA RECORDE

A safra agrícola de 2019 deve ser 3,1% maior que a do ano passado, somando 233,4 milhões de toneladas, de acordo com nova estimativa feita pelo IBGE. Se cumprir a previsão, a colheita de grãos em 2019 deve ser a segunda maior da série histórica, iniciada em 1975. O recorde continua sendo de 2017, cuja produção totalizou 240,6 milhões de toneladas.

 

PEDIDO DE DESCULPAS

Em resposta à declaração do ministro da Economia, Paulo Guedes, de que o presidente Jair Bolsonaro estaria interessado em acabar com privilégios e abrir as “caixas-pretas” dos bancos públicos, o ex-presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) Paulo Rabello de Castro, disse que o governo Bolsonaro ficará devendo um pedido de “desculpas” se não conseguir comprovar falta de transparência na instituição.

 

NOVO COMANDANTE

Após quatro anos no comando do Exército Brasileiro, o general Villas Boas transferiu o cargo para o general Edson Leal Pujol.  Na cerimônia de passagem de comando, o general Villas Boas afirmou que a eleição do presidente Jair Bolsonaro representa renovação e tira o país de amarras ideológicas. O presidente Jair Bolsonaro participou da solenidade, mas não discursou. Ele deixou o local sem dar declaração à imprensa.

 

COMBATE À VIOLÊNCIA

Em sua conta no Twitter, o presidente Jair Bolsonaro defendeu mudanças na legislação com a participação de todas as esferas de todos os Poderes e da imprensa para impedir o avanço da violência no país. A afirmação foi feita em referência a um vídeo em que aparece um prédio incendiado no Ceará e uma voz masculina ameaçando o presidente com xingamentos. As ameaças fazem referência às declarações de Bolsonaro no sentido de endurecer a política de combate à violência.

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, a violência contra mulheres cresceu 50% em um ano no Distrito Federal. De janeiro a novembro do ano passado, os 20 juizados de violência doméstica e familiar do DF receberam 10.933 mil pedidos de medidas protetivas. Mas as mulheres não são os únicos alvos da violência doméstica. Ao longo dos últimos quatro anos, pelo menos 60% dos crimes de estupro aconteceram contra crianças, adolescentes menores de 14 anos, idosos e deficientes. Quase 90% desses casos aconteceram nas residências das vítimas e foi provocada por parentes ou pessoas do círculo social da família, como amigos ou vizinhos.

 

 

Jerusia Arruda
Jerusia Arruda

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *