Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias
Curso - Fórmula da Eleição 2020
Inicio » Minas Gerais » 13º salário de servidores de Minas Gerais será parcelado em 11 vezes

13º salário de servidores de Minas Gerais será parcelado em 11 vezes

13º salário de servidores de Minas Gerais será parcelado em 11 vezes

O governador Romeu Zema (Novo) anunciou nesta segunda-feira que vai pagar o 13º salário do funcionalismo público em 11 vezes, entre fevereiro e dezembro. De acordo com ele, o pagamento será feito sempre no primeiro dia útil após o dia 20 de cada mês. O anúncio foi feito em um vídeo nas redes sociais.

Romeu Zema anunciou nesta segunda-feira a forma como será pago o 13º salário
Romeu Zema anunciou nesta segunda-feira a forma como será pago o 13º salário

 

“Após longos dias de muito trabalho estou passando pra dizer como será feito o pagamento do 13° salário para todos os servidores nativos, inativos e pensionistas. Sendo 371.786 servidores ativos, 256.081 inativos e 52.000 pensionistas, totalizando 679.867. Estudamos todas as possibilidades para pagar o décimo terceiro que não foi feito pelo governo anterior e a única forma viável, hoje, é parcelar em 11 prestações, de fevereiro a dezembro.  O valor será pago sempre no primeiro dia útil após o dia 20 de cada mês. Vamos continuar trabalhando pra tirar Minas do vermelho”, destacou a publicação de Romeu Zema.

O benefício deveria ter sido quitado em dezembro do ano passado, ainda na gestão de Fernando Pimentel (PT).

‘Decepcionante’

O diretor do Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público do Estado de Minas Gerais (Sindpúblicos-MG), Geraldo Henrique, classificou a medida como “decepcionante e muito injusta”. Vejo isso com uma preocupação muito grande, principalmente para aqueles que recebem salários menores. Parcelar em 11 vezes você está tratando desiguais como iguais”.

Segundo o dirigente sindical, o goveno do Estado deveria ter pensando melhor e avaliado a situação dos servidores que recebem vencimentos menores: “Já que está com essa dificuldade toda, que pagasse quem ganha até R$ 2.000 em apenas duas parcelas, por exemplo. Quem ganha menos é quem mais sofre. É muito difícil essa situação”.

Veja o vídeo do anúncio:

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *