Vaga no Bolso

Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Câmara Municipal de Montes Claros cobra plantões de servidores dos Cras

Montes Claros – Câmara Municipal de Montes Claros cobra plantões de servidores dos Cras

Montes Claros – Câmara Municipal de Montes Claros cobra plantões de servidores dos Cras

Montes Claros – A situação vivida por famílias carentes que precisam de assistência para conseguir desconto ou isenção de taxas para sepultamento de entes queridos foi destaque na reunião da Câmara de Montes Claros.

Montes Claros - Câmara Municipal de Montes Claros cobra plantões de servidores dos Cras
Montes Claros – Câmara Municipal de Montes Claros cobra plantões de servidores dos Cras

O vereador Valdecy Contador (PMN) sugeriu que a prefeitura faça uma escala de trabalho com os funcionários dos Cras (Centro de Referência de Assistência Social) para que haja atendimento à população aos finais de semana e feriados. O vereador explica que quando um parente morre num sábado, domingo ou feriado, a família precisa esperar de um até três diaspara resolver a questão burocrática, uma vez que o setor funciona apenas durante a semana.

Com apoio de outros parlamentares da Casa, Valdecy encaminhará requerimento pedindo orevezamento dos servidores dos Cras para atender no escritório central do cemitério. Ele entende que por não gerar custos para a Prefeitura, a demanda poderá ser atendida: “Se cada bairro disponibilizar um funcionário para entrar na escala, não teremos mais esse problema. Precisamos resolver essa demanda e achamos que a melhor maneira é o revezamento”,explicou.

O vereador Ailton do Vilage (PHS) falou sobre a demanda que acaba trazendo transtorno e mais tristeza para muitas famílias carentes. De acordo com o vereador, a maioria dos moradores do bairro Vilage são carentes e não possuem dinheiro para arcar com os custos do sepultamento. Os moradores ainda precisam se deslocar até o cartório para buscar a certidão de óbito e depois procurar ajuda e isenções de taxas: “infelizmente muitas não conseguem, principalmente quando o falecimento é no final de semana ou feriado. No cemitério ainda existe uma taxa de R$175, fora outros gastos. A pessoa que não tem condições e não consegue a ajuda, muitas vezes precisa enterrar o ente querido na zona rural. A família já sofre com a morte e ainda passa por essa luta. Por isso é importante um plantonista”, finalizou Ailton.

O Vereador Dr.Valdivino (MDB), ressaltou que ainda têm famílias carentes que não sabem do direito. Também defendeu a escala de funcionários dos Cras no escritório do cemitério fora dos dias úteis: “Não podemos deixar famílias carentes desassistidas em um momento tão difícil. Vamos lutar para que esse plantão seja efetivado”, destacou o vereador.

O QUE DIZ A PREFEITURA

De acordo com o Secretário de Desenvolvimento Social, Aurindo José Ribeiro, enviado o requerimento dos vereadores, o assunto será discutido com o prefeito e sendo aprovado o plantão poderá ser instituído.

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas. Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *