Últimas Notícias

Veja técnicas de prebrowsing para uma boa experiência no carregamento do seu site

Recursos ajudam a tornar um site mais veloz antecipando ações dos usuários

A velocidade de carregamento é um dos principais fatores de ranqueamento nos mecanismos de busca. Com o intuito de otimizar a experiência do usuário, a exigência de sites cada vez mais rápidos aumenta para um bom ranqueamento orgânico. E, nesse contexto, o uso de técnicas de prebrowsing são essenciais para a sua página.

A prática está se popularizando no Brasil, apesar de já existir há bastante tempo no mundo da programação. O prebrowsing é um conjunto de técnicas que são aplicadas no seu site e ajudam o navegador a se adiantar durante o tempo em que o usuário não decide qual página acessar no seu site.

Resource Hints

O prebowsing consiste nos chamados Resource Hints, que são técnicas que dão dicas para o browser antecipar o carregamento de recursos ou até mesmo de uma página inteira.

Existem hints utilizados para indicar a origem ou recurso que deve ser carregado pelo navegador e também recursos que fazem com que o browser especule buscas, podendo iniciar downloads de arquivos ou páginas e executá-las com mais agilidade.

As dicas são aplicadas no elemento <link> no HEAD de cada documento. É como se o desenvolvedor ajudasse o navegador a tomar decisões importantes para melhorar a sua performance, carregando mais rápido um site e conseguindo se adiantar a possíveis ações futuras dos usuários. Confira abaixo mais detalhes sobre as principais técnicas de prebrowsing:

Prefetching

Esse link é utilizado para identificar um recurso que talvez seja usado pelo usuário em futuras navegações. Assim, o navegador pode baixá-lo e deixá-lo guardado em seu cache para ser executado posteriormente.

É possível utilizar esse recurso para fazer o download de scripts ou imagens, por exemplo. Com isso, o navegador não precisará baixar o recurso novamente e isso otimiza o tempo de carregamento da página.

Prerender

O prerender é um recurso utilizado para facilitar a identificação de objetos que serão utilizados na próxima navegação. Dessa forma, o navegador pode carregar o recurso previamente e ter uma resposta rápida, quando o usuário solicitar o seu uso.

Com isso, o navegador processa o HTML já fazendo a busca e executando os recursos relacionados com o código, fazendo uma renderização prévia da página. Esse link deve ser utilizado para facilitar a renderização de uma página que provavelmente será acessada pelo usuário.

DNS Pre-fetching

Este link serve para apontar a origem de recursos usados na página, fazendo com que o browser o resolva o quanto antes. Dessa maneira, o navegador pode resolver o DNS de determinados recursos para a latência percebida pelos usuários.

O DNS Pre-fetching é uma maneira de o navegador resolver o DNS antes que o usuário clique em um link ou que o navegador precise carregar algum recurso específico.

Preconnect

Esse recurso é parecido com o DNS Pre-fetching, mas além de resolver o DNS, ele ajuda a adiantar o TCP Handshake e a negociação TLS quando necessário.

Quando usar as técnicas de prebrowsing no meu site?

As técnicas listadas acima devem ser usadas estrategicamente para otimizar o carregamento do seu site. O prefetching, por exemplo, pode ser usado para facilitar a visualização de galerias ou carrossel de imagens.

Sites que usam serviços de análise ou outros gadgets que precisam de JS podem usar o preconnect para adiantar o processo de requisição, como a resolução de DNS e Handshake.

O prerender deve ser usado com inteligência, como, por exemplo, após uma página de login ou quando o usuário está lendo um artigo com páginas sequenciais. Isto vai otimizar bastante a renderização destas páginas sem consumir tanta banda da internet do usuário.

O uso estratégico do prebrowsing é fundamental para deixar o seu site mais rápido com técnicas fáceis de serem aplicadas. Estude sobre o tema, utilize os recursos e melhore suas métricas com o site mais potente e rápido.